Clodoaldo Silva, nadador paralímpico da Seleção Brasileira

Clodoaldo Silva espera que deficientes sejam mais respeitados após os Jogos Paralímpicos (Foto: Divulgação/Nissan)

LANCE!
01/06/2016
14:51
Rio de Janeiro

Natural do Rio Grande do Norte, Clodoaldo Silva, que faz parte da Equipe Furnas, teve o nome anunciado como um dos condutores da Tocha Olímpica Rio 2016. O nadador paralímpico participará do revezamento neste sábado (4/6), em Natal, e será um dos 110 condutores na capital potiguar.

Clodoaldo deve ser o último a participar do revezamento, sendo o responsável por acender a pira, no largo da Arena das Dunas. No Rio, o nadador competirá na quinta e última Paralimpíada. Ele tem índice para nadar os 50, 100 e 200m livre, o revezamento misto 4x50 livre e os 50m borboleta.

A expectativa de Clodoaldo é a de que os Jogos Paralímpicos sejam um divisor de águas na questão de acessibilidade para os portadores de deficiência no Brasil:

- Ainda temos que buscar melhorias no esporte paralímpico. Está bom, mas pode melhorar durante e depois dos Jogos. Espero que o grande legado seja a questão da cidadania, do respeito e da acessibilidade para os deficientes – disse Clodoaldo.