LANCE!
29/08/2017
11:10
Rio de Janeiro (RJ)

A superluta entre Floyd Mayweather e Conor McGregor foi promovida, entre tantos títulos, como "luta do dinheiro". E não foi à toa. Depois do combate realizado no último sábado (26), segundo o site MMA Fighting, a comissão atlética divulgou os valores dos salários recebidos por Floyd e Conor. O astro do boxe embolsou US$ 100 milhões (cerca de R$ 316 milhões), enquanto o irlandês faturou US$ 30 milhões (R$ 94,8 milhões).

Vale lembrar que tais valores são apenas os declarados pela comissão. O faturamento de ambos os atletas pode triplicar com a renda feita com patrocínios, direitos de imagem, bônus, prêmios, entre outros lucros. Para se ter uma ideia, o lucro projetado por Mayweather antes da luta acontecer era de até US$ 350 milhões (R$ 1,1 bilhão), enquanto McGregor espera ultrapassar a marca de US$ 100 milhões (R$ 316 milhões).

Floyd Mayweather nocauteou Conor McGregor no décimo assalto de combate ocorrido no último sábado (26), em Las Vegas (EUA).

Confira as bolsas declaradas dos lutadores de May-Mac
Floyd Mayweather (US$100 milhões)  
Conor McGregor (US$30 milhões)
Gervonta Davis (US$ 600 mil)
Francisco Fonseca (US$ 35 mil)
Badou Jack (US$ 750 mil)
Nathan Cleverly (US$ 100 mil)
Andrew Tabiti (US$ 100 mil)
Steve Cunningham (US$ 100 mil)
Card preliminar
Yordenis Ugas (US$ 50 mil)
Thomas Dulorme (US$ 75 mil)
Juan Herladez (US$ 12,5 mil)
Jose Miguel Borrego (US$ 5 mil)
Antonio Hernandez (US$ 7 mil)
Kevin Newman (US$ 7,5 mil)
Savannah Marshall (US$ 5 mil)
Sydney LeBlanc (US$ 3,5 mil)