Rafael Valesi
20/08/2016
22:08
Rio de Janeiro (RJ)

O Brasil quebrou na noite deste sábado, no penúltimo dia de competições nos Jogos Olímpicos Rio-2016, o recorde de medalhas em uma única edição do evento. Com a medalha de bronze de Maicon Siqueira no taekwondo, o país chegou a 18 pódios, superando a marca anterior, de 17, da Olimpíada de Londres-2012. 

A delegação brasileira iniciou o sábado com 15 medalhas obtidas. A 16ª veio pela manhã com Isaquias Queiroz e Erlon de Souza, com a prata na prova do C2 1.000m na canoagem velocidade. No fim da tarde, a Seleção Brasileira de futebol faturou o ouro na final contra a Alemanha, levando o país a 17 pódios e igualando a campanha dos Jogos de Londres-2012. 

A "ultrapassagem" foi feita com Maicon Siqueira, bronze na categoria acima de 80kg no taekwondo, após vitória sobre o britânico Mahama Cho já na parte da noite.

Neste domingo, o Brasil chegará a 19 medalhas conquistadas, já que a Seleção Brasileira masculina de vôlei disputará a final da modalidade contra a Itália, no Maracanãzinho, às 13h15 (de Brasília). O time já tem a prata garantida, mas pode levar o ouro após 12 anos da última conquista, em Atenas-2004. 

O país também estará na disputa do mountain bike e na maratona masculina, mas correndo por fora pelo pódio. Assim como Maicon Siqueira.