Drew Brees New Orleans Saints

Drew Brees venceu quatro dos sete confrontos que teve contra Tom Brady(Michael C. Hebert/New Orleans Saints)

LANCE!
15/09/2020
17:44
New Orleans (EUA)

Drew Brees é o líder da NFL em jardas passadas, passes para touchdown, tentativas de passe e passes completos. Nessas mesmas estatísticas, Tom Brady está respectivamente em segundo, segundo, terceiro e segundo. Ao longo das duas últimas décadas, os dois fizeram história o suficiente para se garantirem no Hall da Fama do esporte, com certa folga, inclusive. Brady lidera as mesmas quatro estatísticas citadas anteriormente quando se considera apenas partidas de playoffs, logo não é à toa que ele seja o único atleta da história com seis títulos de Super Bowl e considerado, por boa parte do público, como o maior quarterback de todos os tempos. Logo, um confronto entre dois gênios, como o que aconteceu no último domingo (13), é motivo para fazer parar o tempo.

Ainda que tenham dividido, junto a Peyton Manning, o fardo de “melhores quarterbacks da NFL” ao longo deste século, Brees e Brady se enfrentaram poucas vezes (ou menos do que os fãs da modalidade gostariam) ao longo de suas carreiras, já que estiveram em conferências opostas por boa parte desses anos. Para relembrar cada capítulo desse duelo de titãs e chegar até o jogo do último domingo, é preciso regressar até 1999!

1999: Michigan 38x12 Purdue
Em seu último ano na universidade, Brady desapontou o jovem Brees, que vinha em seu terceiro ano e sonhava com o Troféu Heisman, dado ao melhor atleta do college football em uma temporada. Brady acabou vencendo o Orange Bowl com os Wolverines, e Brees amargurou um ano com uma campanha 7-5.

Tom Brady Tampa Bay Buccaneers e Drew Brees New Orleans Saints
(Kyle Zedaker/Tampa Bay Buccaneers)

2002: Chargers 21x14 Patriots
Após vencer seu primeiro Super Bowl, Brady foi surpreendido contra um San Diego Chargers comandado por… LaDainian Tomlinson! O running back eternizado no Hall da Fama correu para 217 jardas em apenas 27 tentativas e anotou 2 touchdowns! Brees precisou apenas passar a bola 18 vezes para vencer em sua quinta partida como titular. Brady acabou não conseguindo levar os Patriots aos playoffs - desde então, nunca mais perdeu um título de AFC Leste sequer.

2005: Chargers 41x17 Patriots
Tomlinson carregou mais uma vez os Chargers nas costas com dois TDs, mas Brees teve boa atuação, com rating de 137,5. Aquele, porém, viria a ser o último ano dele em San Diego. De lá, ele partiria para New Orleans e escreveria história com Sean Payton.

2009: Saints 38x17 Patriots
Nada melhor para fazer a mídia a levar você e seu time a sério do que uma vitória contra os Patriots. Brees teve 5 passes para touchdown, 0 interceptações, mais de 16 jardas por passe e uma precisão de mais de 78%: todos valores suficientes para atingir o rating perfeito de 158,3 pela única vez em sua carreira. Valeu a pena levar os Brees e os Saints a sério depois disso, já que naquele ano viriam a vencer seu primeiro Super Bowl.

2013: Patriots 30x27 Saints
Brady resolveu ter sua vingança após três derrotas seguidas contra Brees. Sua primeira vitória como profissional contra o rival veio após um jogo complicado, mas eletrizante. O quarterback dos Patriots guardou sua magia para o final e anotou seu único passe para touchdown da partida no estouro do cronômetro: a 5 segundos do final, para virar o jogo e derrubar a invencibilidade de New Orleans.

2017: Patriots 36x20 Saints
Depois de uma surpreendente derrota no kickoff da NFL contra os Chiefs, os Patriots sacudiram a poeira e, carregados por seu quarterback, não deram chance aos Saints. 447 jardas, 3 TDs e um rating de quase 140 coroaram a atuação de Brady. Os Saints se recuperaram na temporada e voltaram aos playoffs pela primeira vez desde 2013.

2020: Saints 34x23 Buccaneers
Ineditamente como rivais de divisão, Tom Brady e Drew Brees se enfrentaram pela sétima vez no último domingo, marcando a estreia de Brady pelo Tampa Bay Buccaneers. Até então empatados com três vitórias cada em seu “confronto” particular, os quarterbacks não tiveram uma partida exatamente equilibrada, já que Brees levou a melhor com certa tranquilidade, conduzindo a partida com passes curtos e dois touchdowns aéreos. Brady também anotou dois, mas suas duas interceptações foram cruciais para o resultadl, já que as duas resultaram em touchdowns para os Saints.

Felizmente ainda não vimos os últimos dias desse histórico embate, já que Saints e Bucs se enfrentam de novo na semana 8. Vamos torcer para que ambos estejam saudáveis e possam presentear os fãs da NFL com mais um jogo histórico! E quem sabe, mais um nos playoffs?