Corinthians x Atlético-MG

Corinthians x Atlético-MG (Foto: Daniel Augusto Jr./Agencia Corinthians)

Bruno Cassucci
17/01/2016
18:58
Enviado especial a Boca Raton (EUA)

O Atlético-MG de 2016 é muito mais próximo da sua versão de 2015 do que o Corinthians. Isso explica porque no reencontro entre o campeão e o vice do último Campeonato Brasileiro os mineiros levaram a melhor, ao contrário do que ocorreu nos dois duelos da temporada passada. Em partida pela Florida Cup, na cidade de Boca Raton, nos Estados Unidos, o Galo foi superior na maior parte do tempo, venceu por 1 a 0, gol de Hyuri, e conquistou o título do torneio preparatório.

O resultado e a atuação dão ainda mais esperança ao torcedor atleticano, que já havia visto a equipe bater o Schalke 04 (ALE) por 3 a 0 na estreia do torneio norte-americano. À Fiel Torcida, serve de alento o fato de o Timão também ter sido derrotado na partida de estreia do ano passado, na mesma Florida Cup.

Os alvinegros proporcionaram um jogo aberto, com chances para os dois lados, sobretudo no primeiro tempo. Isso, porém, não quis dizer um duelo de bom nível técnico. Sem muito ritmo de jogo, as duas equipe cometeram erros táticos e de fundamento. O pior foi de Thiago Ribeiro, que perdeu uma chance sem goleiro, dentro da pequena área, aos 12 do primeiro tempo.


Depois, Dátolo ainda chutou bola na trave e Luan exigiu boa defesa de Walter, que substituiu Cássio. O Timão respondeu com Malcom, que criou as principais chances, e Romero, que teve gol anulado por impedimento.

Tite manteve o Timão no 4-1-4-1, mas já percebeu que terá dificuldades para encontrar os substitutos para Jadson, Renato Augusto e Vagner Love, vendidos neste início de ano. O Corinthians teve dificuldades para criar e não conseguia aprofundar o jogo, já que Danilo, escalado como referência no ataque, voltava muito para buscar a bola. O paraguaio Romero também não correspondeu.

Já Diego Aguirre vai aos poucos dando sua cara ao Atlético-MG, que mostrou solidez defensiva e teve o equatoriano Cazares como a grande surpresa. Ele entrou bem no segundo tempo e criou o lance do gol mineiro.

No fim, os dois treinadores aproveitaram para mexer em quase todas as peças, dar ritmo de jogo aos reservas e testar variações.

Agora, o Atlético-MG retorna ao Brasil, onde continuará a pré-temporada. O Timão segue nos Estados Unidos, onde quarta-feira enfrentará o Shakhtar (UCR), quarta-feira, e o Fort Lauderdale Strikers, no próximo sábado.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 1 x 0 CORINTHIANS


Data e horário: 17 de janeiro de 2016, domingo
Local: FAU Stadium, Boca Raton (EUA)
Árbitro: Marcos de Oliveira
Assistentes: Kevin Klinger e Hayden Oscanoa
Cartões amarelos: Leonardo Silva e Marcos Rocha (ATL)
Gols: Hyuri - 12'/2ºT (1-0)
Renda/Público: Não divulgado

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Jemerson, Leonardo Silva (Erazo) - 24'/2ºT) e Douglas Santos; Rafael Carioca (Eduardo - 39'/2ºT), Leandro Donizete (Lucas Cândido - 24'/2ºT), Dátolo (Cazares - 10'/2ºT) e Luan (Carlos - 33'/2ºT); Thiago Ribeiro (Hyuri - 10'/2ºT) e Lucas Pratto (Patric - 29'/2ºT). Técnico: Diego Aguirre

CORINTHIANS: Walter; Fagner (Edilson - 11'/2ºT), Gil (Yago - 29'/2ºT), Felipe e Uendel (Arana/intervalo); Bruno Henrique (Marciel -36'/2ºT), Elias (Moisés - 36'/2ºT), Rodriguinho (Cristian - 21/2ºT) e Danilo (Mendoza - 11'/2ºT); Romero (Lucca/intervalo) e Malcom (Marlone - 21'/2ºT). Técnico: Tite