Treino do Flamengo

Atletas do Flamengo se preparam para duelo diante do Palmeiras  (Foto: Gilvan de Souza)

RADAR/LANCE!
12/09/2016
12:18
Rio de Janeiro (RJ)

Passado o fim de semana e o triunfo sobre o Vitória, o Flamengo já está de volta aos treinos e pensando no confronto direto pela liderança do Brasileiro. O adversário da próxima quarta-feira, às 21h45, será o Palmeiras, no Allianz Parque.

No entanto, a dúvida sobre a titularidade de Gabriel Jesus pode ser motivo de preocupação para o Rubro-Negro. O atleta do Verdão saiu do gramado com dores no empate sem gols com o Grêmio neste último domingo. Especialistas do LANCE! analisaram como deve ser a formação defensiva da equipe carioca para enfrentar o líder do Brasileirão. Confira!

Rafael Pereira - Editor do LANCE!


Flamengo vem mostrando um futebol vistoso e com muita efetividade no ataque, com Gabriel e Fernandinho. A presença de um jogador adversário, mesmo esse sendo Gabriel Jesus, não deve ser 'desculpa' para o time mudar seu estilo de jogo. Zé Ricardo precisa acreditar no que vem apostando e tem dado certo durante todo o Brasileirão, pois se mudar agora, o Fla pode perder o padrão e consequentemente sua força dentro de campo.

João Carlos Assumpção - Colunista do LANCE!

O Flamengo tem que seguir jogando da mesma forma, embora tomando algumas precauções a mais, claro. Afinal, enfrenta o melhor time do campeonato na próxima quarta-feira. Ainda, tem que proteger a zaga e congestionar o meio-campo. Mas ao mesmo tempo surpreender. Contra-atacar com eficácia e eficiência. Incomodar a equipe paulista.

Em relação ao Gabriel Jesus não acho que tenha que ter marcação homem a homem. Ou individual. Mas óbvio que requer atenção especial.

Rondinelli - Ex-zagueiro do Flamengo 

Não é hora para querer inventar, mesmo que o Palmeiras possa vir com o Gabriel Jesus, o Flamengo deve manter a sua defesa. Na minha concepção, não vejo de forma positiva tentar uma marcação individual em cima dele. A marcação por zona é a melhor alternativa, porque o jogo é coletivo e você precisa que todos colaborem. Eu acho que a marcação individual em um jogador muito bom não faz sentido, é uma besteira. Sobrecarrega um atleta e isso não é certo. Todos devem se atentar à marcação.

O jogo entre Flamengo e Palmeiras será um 'jogão'. São dois times com bons elencos e jogadores que podem desequilibrar. Acho que o Zé Ricardo deve manter a forma que o time está jogando e penso que o quem cometer menos erros e tiver a oportunidade de sair na frente, deve ser o vencedor. E digo que quem conseguir a vitória deve ser o campeão da competição.