twitter logo
twitter logo
twitter logo
twitter logo

Quanto a Nike paga à CBF para patrocinar a Seleção Brasileira?

Marca é a principal parceira comercial da entidade e tem contrato até 2026

AFP__20240323__34M69PZ__v1__HighRes__FootballInternationalFriendlyEnglandVBrazil-scaled-aspect-ratio-512-320

Vini Jr em ação durante amistoso da Seleção Brasileira (Foto: Ben Stansall/AFP)

Lance! - 24/03/2024 - 13:05

Lance! - 24/03/2024 - 13:05

Os contratos de patrocínio são a maior fonte de receita da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Em 2022, por exemplo, a entidade faturou mais de R$ 567 milhões com os acordos comerciais, o que representa 53% do faturamento total (R$ 1,072 bilhão).

Entre todos os patrocinadores, quem paga mais caro é a Nike, que veste a Seleção Brasileira desde 1996. De acordo com a ESPN, a fornecedora de material esportivo paga US$ 35,5 milhões (cerca de R$ 178 milhões, na cotação atual) por ano à CBF.

➡️ Acompanhe os negócios no esporte em nosso canal. Siga o Lance! Biz no WhatsApp

O atual vínculo da Nike com a CBF foi assinado em 2007 por Ricardo Teixeira e é válido até o fim de 2026. A confederação vê defasagem de valores no contrato e já iniciou as conversas sobre uma possível renovação.

Além de reajustar as cifras anuais fixas, a CBF também tentará incluir um percentual de royalties sobre as vendas dos produtos da Seleção com a Nike - algo que não ocorre hoje.

➡️ Quanto custa a nova camisa do Brasil? Veja preços, modelos e onde comprar

Quanto a Nike paga para outras seleções?

A efeito de comparação, a Nike paga cerca de US$ 55 milhões (R$ 275 milhões) por ano à Federação Francesa de Futebol, de acordo com o jornal "L´Équipe". O contrato foi assinado em 2018 e também é válido até 2026.

Já a Federação Inglesa (FA) recebe cerca de US$ 42 milhões (R$ 210 milhões) por ano da Nike em um acordo que termina apenas em 2030.

➡️ Quanto a CBF ganha de seus patrocinadores? Veja valores e evolução ano a ano

Nesta semana, a imprensa internacional noticiou um acordo da empresa norte-americana com a federação alemã. O contrato terá início em 2027 e renderá US$ 108 milhões (R$ 540 milhões) por ano.

Brasil - Seleção - Camisa

Nova camisa da Seleção Brasileira feita pela Nike (Foto: Divulgação)

Compartilhetwitter logofacebook logowhatsapp logo
share logo

Relacionados