Magnano vai esperar Spliter

Splitter e Magnano se encontraram nos Estados Unidos no fim de janeiro (Foto: Divulgação/cbb.com)

LANCE!
18/02/2016
17:54
São Paulo (SP)

O técnico da Seleção Brasileira masculina de basquete, Rubén Magnano, ainda não confirmou a ausência do pivô Tiago Splitter dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em agosto. O treinador ainda tem esperança de contar com o jogador na Olimpíada mesmo com a cirurgia a que ele vai ser submetido no quadril.

- O maior problema é o tempo de recuperação necessário. Mas deixarei um parêntese aberto para essa recuperação para vermos se ele consegue ficar bom a tempo. Para a Seleção Brasileira, o Tiago é uma referência muito importante e vamos esperar até o último momento - avaliou o treinador.

Splitter vem sofrendo com dores no quadril durante a temporada da NBA. Após diversas conversas com os médicos do Atlanta Hawks, o atleta decidiu ser submetido à cirurgia. O tempo de recuperação é de cinco a oito meses.

- A verdade é que é uma notícia infeliz que não esperávamos que fosse acontecer. Quando estivemos com ele nos Estados Unidos, estava fazendo tratamentos e terapias alternativas e chegou a falar naquele momento da possibilidade de uma cirurgia. Infelizmente, aconteceu. Assim que soube, entrei em contato com ele para desejar boa sorte. Ele teve que tomar uma decisão muito difícil, que eu apoio. Espero que possa se recuperar muito bem pela pessoa que é e por sua saúde - declarou Magnano.

Em janeiro, o técnico da Seleção Brasileira esteve nos Estados Unidos para conversar com os atletas que disputam a NBA e apresentar o planejamento para os Jogos Olímpicos. O encontro com Splitter aconteceu no dia 31 de janeiro.