Vila Olímpica

COI falou sobre os problemas na Vila Olímpica do Rio de Janeiro (Foto: AFP)

Guilherme Cardoso
25/07/2016
18:15
Enviado Especial ao Rio de Janeiro (RJ)

O Comitê Olímpico Internacional (COI) se manifestou sobre a situação da Vila Olímpica dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Em nota enviada ao site do LANCE!, a entidade internacional afirmou estar trabalhando ao lado do Comitê Organizador Rio-2016 para solucionar qualquer pendência. Mesmo assim, a solução total deve levar mais alguns dias.

“Estamos trabalhando junto com o Rio-2016 em relação à Vila Olímpica. Enquanto eles chegam ao momento final de preparação para receber os atletas na Vila, começa a ficar claro que, no momento em que os quartos começam a ser usados em todos os prédios, alguns necessitam de uma força extra de trabalho. Um grupo de pessoas trabalhou durante toda a noite e vai trabalhar 24 horas por dia até que os problemas sejam resolvidos. Infelizmente, o Rio-2016 acredita que isso ainda vai levar alguns dias. Os atletas que estão chegando na Vila, os quais as acomodações não estão finalizadas, serão acomodados em algum lugar melhor nos outros prédios. O Rio está trabalhando duro para assegurar que esse trabalha não vai atrapalhar a preparação dos atletas para os jogos – preparações que estão sendo feitas em arenas de alta qualidade. O Rio também expressa suas desculpas pelo inconveniente que a situação possa causar, e nós apreciamos a compreensão dos Comitês Olímpicos Nacionais”, dizia a nota.

O COI também comentou especificamente o caso da delegação da Austrália. Os australianos adiaram em alguns dias a entrada na Vila por conta de problemas em seu prédio. Foram apontados vazamentos no encanamento, problemas com fios de eletricidade expostos e um cheiro forte de gás. Após manifestar publicamente a insatisfação, os comandantes da delegação mudaram o tom das cobranças nesta segunda-feira e falaram que as coisas “estão caminhando”. A expectativa é que eles entrem no prédio dos atletas na quarta-feira.

“Entendemos essa medida temporária e o fato de a Austrália ainda esperar que suas acomodações sejam entregues de forma apropriada nos próximos dias, o que vai permitir que eles desloquem seus atletas em suas residências dos Jogos” , afirmou o comunicado do COI.

Vale lembrar que, além da Austrália, outras delegações tiveram problemas em seus prédios na Vila Olímpica, como Argentina e o próprio Brasil.