Kezar Stadium

Time jogará no antigo estádio do São Francisco 49ers, o Kezar Stadium (Foto: Reprodução/Google Maps)

Fábio Suzuki
20/04/2016
14:56
São Paulo (SP) 

Se depender de suas origens, o São Francisco Deltas, novo time de futebol dos Estados Unidos, será um dos maiores times do mundo e com fãs espalhados pelos cinco continentes. Por enquanto, seus diretores ainda buscam a simpatia da comunidade local e os primeiros jogadores a vestir a camisa da equipe ainda nem foram contratados. Mas o projeto está diretamente ligado ao Vale do Silício, maior polo de tecnologia do mundo e onde estão empresas como Apple, Facebook, Google e Twitter.

Tirado do papel há um ano com o colombiano e empreendedor Brian Andrés à frente, o Deltas terá um investimento nos próximos dois anos de até US$ 20 milhões (cerca de R$ 70 milhões) bancados por grandes companhias.

Por seu DNA inovador, vários projetos usando a tecnologia já estão sendo elaborados. Uma delas, que visa atrair a grande população de imigrantes de São Francisco, é possibilitar a venda de ingressos para que o torcedor sente próximo de outros fãs de seu país de origem. Ou ainda escolher um local do estádio onde também estão torcedores de times europeus como Barcelona (ESP), Manchester United (ING) e Real Madrid (ESP). Já dentro de campo, um dos projetos é utilizar a tecnologia para aprimorar os reflexos dos goleiros com simulações em realidade virtual.

– Dá para criar várias experiências tendo como base as características dessa cidade – afirma Andrés, CEO do São Francisco Deltas.

"Há coisas boas nos EUA como transparência e gestão profissional, mas eles não têm a mesma paixão que nós", Brian Andrés, CEO do Deltas. 

Um dos grandes passos obtidos pela equipe em sua recente história foi obter a permissão da cidade americana para mandar seus jogos no Kezar Stadium, que foi a casa do time de futebol americano São Francisco 49ers até a década de 70. O estádio já teve capacidade para 60 mil pessoas, mas hoje comporta apenas 10 mil torcedores após grande reforma na década de 90.

– Até Pelé já jogou neste estádio – lembra o CEO do Deltas, sobre o período em que o Rei do Futebol atuou no futebol dos EUA.

Com o estádio definido, o time passa agora a formar o elenco, que terá sete jogadores estrangeiros.

Veja abaixo entrevista com Brian Andrés, CEO do São Francisco Deltas. 

Por que entrar no futebol?
Sou colombiano e adoro futebol, torço para o Millionarios (COL) e o Real Madrid (ESP). Antes, fui empreendedor em São Francisco e após vender minha empresa de tecnologia, há dois anos, decidi entrar no futebol. Há coisas boas nos EUA como transparência e gestão profissional dos negócios, mas eles não têm a mesma paixão que nós.

Como foi passar da área corporativa para dirigente de futebol?
Encontrei com os donos de times dos EUA para saber a visão deles e fiz muitas pesquisas. Segundo a Forbes, das cinco equipes mais valiosas do mundo, três são do futebol. E das 50 mais valiosas, 42 são dos EUA, mas nenhuma do futebol. Como o esporte mais valioso não está no maior mercado do mundo?

Em que pé está o projeto?
Tanto a confirmação da NASL como a permissão para usar o Kezar Stadium saíram há poucos dias. Agora, vamos entrar na fase de contratação da comissão técnica e de jogadores. Os primeiros amistosos serão no início de 2017 e a liga começa em abril.

CURIOSIDADES DO SÃO FRANCISCO DELTAS
Estádio
Time usará o Kezar Stadium, que foi a casa do São Francisco 49ers até a década de 70 e hoje comporta dez mil pessoas. Pelé jogou no estádio quando atuou nos EUA.

Investidores
Grupo de 18 investidores já são parceiros do São Francisco Deltas e terão participação na equipe de acordo com o investimento realizado.

Torcedores
Para divulgar a equipe, será dado ingresso vitalício para quem levar mais pessoas para ser torcedor do time.

Tecnologia
Projeto visa utilizar a tecnologia dentro e fora de campo, como usar aparelhos de realidade virtual para treinos de reflexo para os goleiros.

Interatividade
Através de aplicativos, a equipe pretende abrir para os torcedores a escolha de alguns serviços, como os tipos de food truck que estarão em determinada partida.

Parcerias
Pretende realizar parcerias com empresas inovadoras, como o Uber para ajudar no transporte dos torcedores.