Brasil x Camarões

Camisa 21 fez o gol da vitória contra Camarões (Foto: Divulgação / CBF)

LANCE!
20/11/2018
21:36
Milton Keynes (ING)

A promessa foi cumprida. Após um pedido de Davi Lucca, filho de Neymar, para que Richarlison fizesse a "dança do pombo", sua característica comemoração, na partida contra o Uruguai, o atacante do Everton conseguiu fazê-la nesta terça-feira, após ser o autor do gol da vitória sobre Camarões, no MK Stadium. 

- No jogo passado eu tive a oportunidade, mas infelizmente não pude fazer. Hoje, eu pude me concentrar melhor, fazer o gol e ajudar a equipe, que é o mais importante. Estou muito feliz pelo gol e pelo Davi (Lucca, filho de Neymar) que pediu a dança do pombo, ela está aí, ele estava no estádio, então a missão foi cumprida - afirmou, ao "SporTV".


Richarlison substituiu Neymar e jogaria, teoricamente, pelo lado esquerdo do ataque, sua posição de preferência. Mesmo assim, foi possível ver o jogador de 21 anos invertendo de setor com Willian, aparecendo pelo flanco direito. O jogador afirmou que essas movimentações foram fundamentais para a vitória.

- Foi o Tite que pediu para gente jogar solto, então revezei com o Willian, porque ali na frente precisa de movimentação para gerar uma dúvida na defesa deles (de Camarões), então foi isso que a gente fez. Deu certo, encontramos vários espaços ali, tivemos oportunidades de fazer mais gols, mas o importante é que a vitória veio - disse.

Desse jeito, o atacante afirmou que não possui uma preferência de posição e que está disposto a ajudar a Seleção Brasileira da maneira que for, com seu objetivo sendo um resultado positivo.

- Onde o Tite achar que é melhor para mim, eu vou fazer o papel. Se ele pedir para ir para ponta, eu venho para a ponta. Estou aqui para ajudar a Seleção e sair vitorioso - completou.

Richarlison avaliou esse período com com a seleção canarinho como positivo, destacando que é sempre possível melhorar e, por isso, vai tentar manter a boa sequência com o Everton, já que seu objetivo é estar presente no elenco que participará da Copa América.

- Acho que foi um belo trabalho, não só meu, mas de todos que vieram aqui. Então, estou muito feliz pelo meu desempenho, posso melhorar sim, vou procurar evoluir. Agora, é dar sequência no meu clube (Everton), para poder chegar na Copa América - declarou.


Fora de campo, uma das características marcantes de Richarlison é o carinho com os torcedores. Seja nas redes sociais ou após as partidas, o atacante sempre tenta dar atenção aos fãs que pedem um autógrafo ou para tirar uma foto com ele. 

- Sempre importante (atender os torcedores), as vezes esses torcedores saem de muito longe para estarem aqui assistir a gente, então temos que retribuí-los. Não custa nada tirar foto, falar, apertar a mão deles. É o que eu faço, depois de um jogo eu sempre vou lá e retribuo o carinho que eles têm por mim dentro de campo - afirmou.

A primeira convocação de Richarlison veio após um corte na lista inicial, e ele conseguiu corresponder com um gol em sua estreia. No MK Stadium, a estrela do atacante voltou a brilhar, já que ele substituiu Neymar ainda no primeiro tempo e conseguiu balançar as redes, garantindo a vitória da Seleção Brasileira, que fechou o período pós-Copa do Mundo com 100% de aproveitamento.

- A gente vem treinando forte durante a semana para quando chegar a oportunidade estar preparado. Venho trabalhando muito firme no meu clube, a Seleção também me acolheu muito bem então, me senti como se estivesse jogando no Everton, então isso ajuda muito dentro de campo e estou feliz pelo grupo, pelo Tite, que me deu oportunidade. É continuar a sequência porque quero estar na Copa América - finalizou.