twitter logo
twitter logo
twitter logo
twitter logo

Qual estádio tem o maior acordo de naming rights no Brasil?

Atualmente, oito arenas brasileiras têm acordos do tipo. Veja os valores de cada contrato

AGIF23033012521596-scaled-aspect-ratio-512-320

Pacaembu tem maior acordo de naming rights do Brasil (Foto: Marcello Zambrana/AGIF)

Lance! - 22/04/2024 - 16:50

Lance! - 22/04/2024 - 16:50

A venda dos naming rights de estádios e arenas ainda não é uma prática tão popular no Brasil quanto nos Estados Unidos e Europa, mas tem crescido nos últimos anos. Prova disso é que, atualmente, oito estádios brasileiros têm acordos do tipo.

Mas, afinal, qual é o mais lucrativo? O Lance! Biz fez um levantamento de todos os naming rights no Brasil e apresenta quais são as empresas compradoras, quando as compras foram efetivadas e os valores envolvidos nos negócios.

➡️ Acompanhe os negócios no esporte em nosso canal. Siga o Lance! Biz no WhatsApp

💰 Os maiores acordos de naming rights no Brasil:
(comparação de valores anuais)

1. Mercado Livre Arena Pacaembu - R$ 33 milhões*
2. Allianz Parque - R$ 27,5 milhões
3. MorumBis - R$ 25 milhões
4. Neo Química Arena - R$ 20 milhões
5. Ligga Arena - R$ 13,3 milhões
6. Casa de Apostas Arena Fonte Nova - R$ 13 milhões
7. Arena MRV - R$ 7,2 milhões
8. Arena BRB Mané Garrincha - R$ 2,5 milhões

📊 Veja todas as informações abaixo:

🏟️ Mercado Livre Arena Pacaembu

  • CompradorMercado Livre
  • Data da compra: 31 de janeiro de 2024
  • Duração: 30 anos
  • Valor por ano: R$ 33 milhões
  • Dono: Allegra Pacaembu

Nota: No anúncio do acordo, as partes disseram que o contrato pode chegar a 30 anos e superar R$ 1 bilhão, no total. O valor anual de R$ 33 milhões sai desta divisão. O contrato, no entanto, tem cinco anos garantidos e pode ser renovado a cada cinco anos - até atingir o prazo máximo de 30 anos.

🏟️ Allianz Parque

  • Comprador: Allianz
  • Data da compra: 24 de abril de 2013
  • Duração: 20 anos
  • Valor por ano: R$ 27,5 milhões
  • Dono: Palmeiras e WTorre

Nota: O valor anual no início do contrato era de R$ 15 milhões, mas sofre reajuste pelo IPCA a cada ano. O montante chegou a R$ 27,5 milhões em 2023.

🏟️ MorumBis

  • CompradorMondelēz (Bis)
  • Data da compra: 1º de janeiro de 2024
  • Duração: 3 anos
  • Valor por ano: R$ 25 milhões
  • Dono: São Paulo

🏟️ Neo Química Arena

  • CompradorNeo Química
  • Data da compra: 31 de agosto de 2020
  • Duração: 20 anos
  • Valor por ano: R$ 20 milhões
  • Dono: Corinthians

Nota: O valor anual no início do contrato era de R$ 15 milhões, mas sofre reajuste pelo IPCA a cada ano. O montante chegou a R$ 20 milhões em 2023.

🏟️ Ligga Arena (Arena da Baixada)

  • Comprador: Ligga Telecom
  • Data da compra: 22 de junho de 2023
  • Duração: 15 anos
  • Valor por ano: R$ 13,3 milhões
  • Dono: Athletico

🏟️ Casa de Apostas Arena Fonte Nova

  • Comprador: Casa de Apostas
  • Data da compra: 1º de janeiro de 2024
  • Duração: 4 anos
  • Valor por ano: R$ 13 milhões
  • Dono: Governo do Estado e a consórcio Odebrecht/OAS

🏟️ Arena MRV

  • Comprador: MRV
  • Data da compra: 18 de setembro de 2017
  • Duração: 10 anos
  • Valor por ano: R$ 7,2 milhões
  • Dono: Atlético-MG

Nota: O contrato entrou em vigor em março de 2021, mas com vigência de 10 anos a partir do primeiro pagamento, que aconteceu em janeiro de 2023. Há cláusulas de renovação por mais um período, como novos aportes.

🏟️ Arena BRB Mané Garrincha

  • CompradorBRB
  • Data da compra: 1º de janeiro de 2022
  • Duração: 3 anos
  • Valor por ano: R$ 2,5 milhões
  • Dono: Consórcio Arena BSB
Arena Allianz Parque - Palmeiras

Allianz Parque tem um dos maiores acordos de naming rights do Brasil (Foto: Ettore Chiereguini/AGIF)

Compartilhetwitter logofacebook logowhatsapp logo
share logo

Relacionados