LANCE!
28/04/2019
14:25
Manchester (ING)

Em um jogo abaixo do nível técnico de ambas as equipes, Manchester United e Chelsea empataram, neste domingo, no Old Trafford, em 1 a 1. Todos os gols foram no primeiro tempo, com Juan Mata, para o United e Alonso, para os Blues, em nova falha de De Gea. O resultado não é bom para nenhum dos dois, mas é menos pior para a equipe de Sarri. O Chelsea se mantém com 68 pontos, na quarta posição, mas não consegue abrir folga no G4, que ainda está em aberto. O Manchester United, por sua vez, permanece na sexta posição, com 65 pontos.

MELHOR EM CAMPO
A vitória era importante para ambas as equipes, mas foi o Manchester United que dominou o primeiro tempo, com mais volume de jogo e domínio das linhas. Em grande jogada trabalhada, Mata concluiu o cruzamento e abriu o placar para o United.

Juan Mata
Juan Mata comemora seu gol (Foto: Reprodução)

NO ERRO DO ADVERSÁRIO
A equipe de Solskjaer permaneceu melhor e mais incisiva , além de dominar a posse de bola (56% a 44%). Ainda faltava algo mais para o United ampliar e a falta de eficiência na conclusão das jogadas foi cabal. No fim do primeiro tempo, Rüdiger arriscou de fora e De Gea largou a bola no pé de Alonso, que não desperdiçou. Mais uma falha do goleiro espanhol na temporada.

RITMO DIFERENTE

O ritmo da partida diminuiu com o segundo tempo. Ambas as equipes pecavam, principalmente, na criação. Pogba não dava o aporte necessário, o que dificultava a participação dos atacantes. No Chelsea era parecido, por conta da falta de criatividade no meio, Higuaín pouco tocava na bola.

MELHOR PARA O CHELSEA

O empate era melhor para o Chelsea e a equipe passou a administrar o resultado. A notícia ruim ficou para Willian, substituído por Pedro, por conta de lesão. No fim, o United teve duas chances, na melhor, Pedro salvou em cima da linha para garantir, já nos acréscimos, o empate. Ainda deu tempo para Higuaín perder um gol nos últimos segundos.