Peru x Argentina - futebol feminino - Pan 2019

Foto: Reuters

Futebol Latino
29/07/2019
00:23
Lima (PER)

Naquela que foi a partida com o maior número de gols até aqui no futebol feminino dos Jogos Pan-Americanos, a Argentina bateu com facilidade a seleção do Peru por 3 a 0 onde a atacante Mariana Larroquette foi destaque máximo por fazer os três tentos da partida. Resultado, aliás, que dá a liderança do Grupo B pelo saldo de gols a Albiceleste enquanto a Costa Rica fica em segundo, mas igualada em pontos, tendo a chave completada por Panamá e as peruanas.

Com menos de dez minutos de jogo, a superioridade em volume de jogo se tornou rapidamente em duas bolas na rede. Aos sete, a lateral-esquerda Eliana Stabile levantou a cabeça e cruzou com maestria na cabeça de Mariana Larroquette que estufou o barbante de Adriana Sanchs.

Já aos nove, uma bola que parecia mais direcionada a ser passada para a conclusão de Yael Oviedo acabou correndo toda a grande área peruana e, indo em direção ao gol, deixou Sanchs completamente perdida. O resultado? Gol da Albiceleste e 2 a 0 no marcador.

Enquanto a seleção do Peru mostrava clara dificuldade para concatenar as jogadas e minimamente assustar a meta defendida pela arqueira Vanina Correa, Sanchs precisou trabalhar em chute dado de média distância por Oviedo sem contar uma bonita finalização de Dalila Ippolito que, depois do desvio na zaga da Blanquirroja, bateu no travessão.

Antes do fim da primeira etapa, já aos 46 minutos, uma bola cruzada na grande área contou com um encontrão entre a lateral Gabriela Chavez e Correa onde, por pouco, a atleta de linha conseguiu evitar o que seria um esquisito gol contra tirando pela linha de fundo.

Na volta do intervalo, em grande parte do confronto o time argentino atuou muito mais na contenção do resultado já construído do que trabalhar fazendo pressão mais intensa e aumentar a dianteira.

Porém, esse comportamento fazia com que as anfitriãs começassem a acreditar na possibilidade de conseguir um melhor resultado na estreia. A melhor chance foi com Pierina Núñez, atleta que jogará na Espanha pelo Logroño após o Pan, que acabou furando no momento do chute onde a arbitragem acabou marcando um equivocado impedimento.

Já aos 43 minutos, quando a situação parecia consolidada, Larroquette apareceu para fechar com chave de ouro sua atuação. Batendo de primeira ainda fora da área, a camisa 11 contou com a colaboração de Sanchs que caiu lentamente e não evitou o terceiro da Argentina.