Galvão Bueno "É tetra" - Copa do Mundo 1994

Globo marcou gerações ao transmitir jogos da Seleção como a final de 1994 (Reprodução/ Globo)

LANCE!
20/03/2021
10:28
Rio de Janeiro (RJ)

A 6ª Vara Empresarial do Estado do Rio de Janeiro arquivou o processo movido pela Fifa contra a Globo pelo pagamento de 90 milhões de dólares (R$ 478 milhões na cotação atual) à entidade. A emissora já havia vencido em segunda instância em novembro de 2020. A informação foi publicada pelo 'Uol'.

+Confira a tabela do Cariocão 2021

O contrato é referente ao período entre 2015 e 2022 e abrange diversos torneios de seleções da entidade. Com o resultado na Justiça, a Globo e a Fifa decidiram entrar em um acordo e a Copa do Mundo do Qatar, em 2022, segue garantido na emissora do Rio.

ENTENDA O CASO
A Globo deixou de pagar o valor estabelecido em contrato logo no inicio da pandemia alegando que o montante fugia do momento vivido atualmente. A emissora também argumentou que teve prejuízo com a falta de realização dos eventos previstos pelo contrato.

A Fifa entrou na Justiça para receber os valores do contrato, mas não conseguiu derrubar inicialmente a medida da emissora com uma liminar de emergência em setembro.

A entidade recorreu e esperou o julgamento na segunda instância. ​O caso foi para o plenário, e por unanimidade, os desembargadores da 6ª Vara Empresarial da Justiça do Rio de Janeiro, deram novamente razão ao grupo brasileiro. Por fim, nesta semana, a Justiça arquivou o processo.