LANCE!
07/06/2018
15:12
São Paulo (SP)

Renato Augusto não corre risco de ser cortado da Copa do Mundo. Foi esse o diagnóstico passado pelo médico da Seleção Brasileira Rodrigo Lasmar em entrevista coletiva nesta quinta-feira em Londres, o o Brasil se prepara para o Mundial. Renato chegou a ter sua situação em risco por ter ficado seis dias fora dos treinos por conta de uma inflamação no joelho esquerdo. Ele só voltou aos gramados nesta quarta e a trabalhar com o grupo nesta quinta.

- Hoje, está descartada a possibilidade de corte do Renato. Foi apenas o início de um trabalho com o grupo, ainda é muito pouco tempo, mas a resposta foi a melhor possível. Temos tempo até o início da Copa. A prioridade é que ele se recupere bem. Se não puder jogar domingo, não será um empecilho - afirmou Rodrigo Lasmar. 

- Todo jogador em véspera de Copa que não consegue treinar e sente problema na parte física se torna uma preocupação. Uns preocupam mais, outros menos. Renato se queixou de dor no joelho. Fizemos exame e não apontou lesão. Ele respondeu melhor nos trabalhos físicos e com a fisioterapia. E hoje treinou junto com o grupo em uma sequência positiva de evolução - completou Lasmar.


Já a situação do volante Fred é mais preocupante. Ele deixou o treino desta quinta mancando após ser atingido por um carrinho de Casemiro e machucou o tornozelo direito. A região ficou muito inchada e o jogador precisará ser reavaliado nesta sexta para saber quais serão os próximos passos. 

- Levou um trauma no tornozelo direito, iniciou trabalho de avaliação, ainda estava com local muito dolorido. É precoce fazer ainda qualquer análise, temos de aguardar, as próximas 24 horas são fundamentais. Só amanha vamos ver como foi a reação del,e se vai treinar, para só aí ver o que faremos a partir disso - explicou.

Outro jogador que mobiliza o departamento médico é o atacante Douglas Costa. Ele ainda está em recuperação de uma lesão na coxa esquerda. Rodrigo também tranquilizou sobre a situação do jogador.

- Douglas evoluiu bem, tivemos uma resposta muito positiva do ponto de vista médico, tomamos cuidado para ele não ser submetido a uma carga de trabalho que pudesse gerar outra lesão. Da nossa parte está totalmente liberado - avaliou o médico.

A Seleção faz no próximo domingo contra a Áustria em Viena o último amistoso antes da estreia na Copa do Mundo contra a Suíça no dia 17. O time deve ter o retorno de Neymar entre os titulares, no lugar de Fernandinho.