Halldorsson melhor em campo

Halldorsson foi eleito o melhor em campo na estreia da Islândia - FOTO:Divulgação

Fellipe Lucena
16/06/2018
13:19
São Paulo (SP)

A história da Islândia em Copas do Mundo tem apenas 90 minutos, mas dois jogadores já se colocaram na galeria de heróis eternos do futebol do país: o atacante Finnbogason, autor do gol, e o goleiro Halldorsson, que defendeu até pênalti cobrado por Messi e foi eleito o melhor em campo no empate por 1 a 1 com a Argentina, neste sábado, em Moscou.

- Defender esse pênalti é a realização de um sonho para mim, especialmente porque nos ajudou a ganhar um ponto que pode ser muito importante na busca pela classificação. Eu fiz minha lição de casa, assisti a vários pênaltis do Messi e também olhei alguns pênaltis meus para ver o que ele poderia esperar de mim. Eu pressenti que ele fosse bater daquele jeito - disse o goleiro de 34 anos, que atua no Randers, da Dinamarca.


Assim como vários de seus companheiros, Halldorsson tem uma profissão além do futebol: ele é formado em cinema e já dirigiu algumas produções, como um clipe musical e um comercial da Coca-Cola sobre a Copa de 2018. Provavelmente, nunca teve tanto protagonismo em suas produções quanto na partida disputada no Spartak Stadium.

Outro fato curioso sobre ele é que seu peso já chegou a ultrapassar a barreira dos 100 kg, em 2005, quando atuava em equipes amadoras. A estreia pela seleção nacional foi em 2011, já em forma, e o auge veio na surpreendente campanha da Eurocopa de 2016, quando os "vikings" chegaram às quartas.

Alfred Finnbogason, centroavante de 29 anos que balançou as redes da Argentina aos 23 minutos do primeiro tempo, também tem uma história curiosa que evidencia o alto padrão da educação islandesa: ele domina seis idiomas diferentes. É possível conversar com o jogador do Augsburg em italiano, espanhol, inglês, holandês, sueco e islandês.

Antes de chegar à Bundesliga, tornando-se um dos atletas mais bem-sucedidos entre os componentes da seleção islandesa, Finn se destacou no Herenveen, da Holanda. Chegou a ser o artilheiro do Campeonato Holandês em 2013/2014, com 29 gols, e foi comparado por Van Basten, lenda do país, a atacantes como Ruud Van Nistelrooy, Huntelaar e Jon Dahl Tomasson.