França x Croácia - Liga das Nações

Comemoração francesa (Foto: FRANCK FIFE/AFP)

LANCE!
23/09/2020
08:35
São Paulo

Atual campeã do mundo, a seleção francesa está muito forte para a disputa da segunda edição da Liga das Nações da Uefa. Comandada pelo técnico
campeão mundial Didier Deschamps, a França mantém a mesma base do título da Copa do Mundo de 2018 – apenas com algumas novidades. É importante destacar que a Liga das Nações é dividida em quatro divisões: A, B, C e D. Em cada divisão, há muitos grupos (quatro nas Ligas A, B e C, dois na Liga D), nos quais as seleções se encaram em partidas de ida e volta entre setembro e novembro de 2020.

A França pertence à divisão A e está no grupo 3, ao lado de Croácia, Portugal e Suécia. Esse grupo é um dos mais fortes da competição, visto que, além de
contar com a atual campeão do mundo, ainda tem a Croácia (vice-campeã do mundo), a seleção de Portugal (atual campeão da Liga das Nações) e a seleção da Suécia.

Segundo probabilidades na casa de apostas Betway Esportes, a seleção francesa é a grande favorita para levar o troféu da Liga das Nações. Dois dos principais motivos do favoritismo francês são as forças individual e coletiva da equipe. Além de contar com alguns dos melhores jogadores do mundo, como o atacante Kylian Mbappé, a seleção da França está muito bem entrosada e é dirigida por Deschamps desde 2012.

Logo atrás da França na lista dos principais candidatos aparecem Bélgica, Inglaterra, Espanha e Holanda. A seleção portuguesa, que venceu a última edição da Liga das Nações e tem como principal estrela o craque Cristiano Ronaldo, é apenas a nona favorita.

Um ótimo desempenho na Liga das Nações também pode render uma chance de disputar a próxima Copa do Mundo, que será realizada em 2022, no Qatar. Isso porque as duas melhores seleções que não se classificarem através das eliminatórias europeias para o mundial no Catar, terão a oportunidade de participar dos playoffs da zona Europa — como uma última chance de classificação para a Copa do Mundo de 2022. A 1ª lista de convocação de Deschamps para a disputa da Liga das Nações, algumas novidades. Dentre elas, a presença da jovem promessa Eduardo Camavinga, que atualmente defende as cores do Rennes-FRA.

Disputado por grandes clubes do futebol europeu, Camavinga é um volante canhoto e que se encaixa muito bem em equipes que atuam em altíssima intensidade. Como principais características, o jovem jogadores apresenta muita agilidade, marca muito bem, além de ter um drible curto acima da média. Segundo o site especializado em transferências Transfermarkt, Camavinga está avaliado em 37 milhões de euros. Em junho deste ano, o Real Madrid chegou a realizar uma sondagem para conhecer as condições de contratar o jogador junto ao Rennes, mas a equipe francesa já deixou bem claro que irá dificultar a saída do atleta.