Rosângela Santos

Rosângela Santos é um dos principais destaques do atletismo brasileiro (Foto: OLIVIER MORIN/AFP)

LANCE!
14/05/2016
21:53
Rio de Janeiro (RJ)

Rosângela Santos, principal velocista do Brasil no Campeonato Ibero-Americano de atletismo, que serve de evento-teste dos Jogos Rio-2016, protagonizou uma discussão com um jornalista neste sábado, no primeiro dia do evento, disputado no Estádio Olímpico Nilton Santos. 

Após terminar a eliminatória dos 100m rasos na oitava colocação geral, com 11s53, a atleta não demonstrou muita disposição ao conceder entrevistas. Questionada pelo repórter da Band Vinicius Nicolleti sobre o mau momento dos brasileiros na prova, em comparação com a melhor fase das mulheres, ela disse que a pergunta era irrelevante.

Antes, havia dado a mesma resposta a uma jornalista que perguntara a impressão da atleta sobre a torcida no local.

–Não corro o masculino, não falo disso – disse Rosângela, segundo o Uol.

– Mas eu ainda não terminei a pergunta, deixe-me explicar – argumentou Nicolleti.

Irritada, a velocista rebateu.

– É cada pergunta que vocês fazem aqui. Fale sobre meu desempenho.

O repórter da Band emendou: 

– Rosângela, você pode não responder, mas eu decido as perguntas eu vou fazer. É meu trabalho. Eu não te ensino a correr, e você não me ensina a perguntar. Ok?.

A velocista não gostou da colocação de Vinicius Nicoletti e passou a desmerecer o repórter.

– Nossa, quem é você? Ninguém assiste a Band – disse, irritada, virando as costas e se dirigindo à região onde estavam profissionais da imprensa escrita.

Ao chegar para falar com os profissionais, deu um recado pedindo que não lhe perguntassem sobre Ana Cláudia Lemos, principal nome do Brasil no revezamento 4x100m, flagrada em exame antidoping por uso de esteroide. 

– Já aviso que não falo de doping, de revezamento, de Ana Cláudia. Entenderam? – disse, antes de criticar a pista de aquecimento do Nilton Santos.

– A pista aqui dentro do estádio estava boa, mas a de aquecimento está em desnível. Tem ladeira e isso preciso ser acertado. Creio que foi algum problema na montagem.

Horas depois, ela venceu os 100m, com 11s24. Neste domingo, disputa os 200m.

Já Fabiana Murer levou o ouro no salto com vara, com a marca de 4,60 m.