Walter

Em oito jogos na temporada, Walter ainda não marcou pelo Furacão. (Gustavo Oliveira/Atlético-PR)

Guilherme Moreira
12/04/2016
14:26
Curitiba (PR)

O abandono do campo para o vestiário aos 30 minutos do segundo tempo, diante do Londrina, no último domingo, fez com que o Atlético-PR punisse o atacante Walter. Em nota, o clube paranaense diz que o jogador se desculpou e será relacionado para o duelo pela Copa do Brasil.

O Furacão encara o Brasil-RS nesta quarta-feira, às 19h30, na Arena da Baixada, pela partida da volta da primeira fase da competição nacional. O camisa 18, por outro lado, seguirá no banco de reservas como uma "punição técnica". O atleta seria titular nesta partida, mas a vaga segue com André Lima após o acontecido pelo Estadual.

- Vou seguir o mesmo caminho que estava estabelecido para ele. Não vai ter retaliação e volto a frisar, o que ele fez tem que pagar por isso. O clube já tomou posição. Inclusive existem duas maneiras de punição, uma do clube e outra do técnico. Ele iria começar jogando a partida de amanhã, mas pelo que aconteceu, não começa. Vai ser relacionado, mas não começa jogando. Essa é a minha punição - afirmou técnico Paulo Autuori. 

Perseguido pela Torcida Os Fanáticos (TOF), inclusive com ameaça, o atacante também conversou com a direção da organizada e se desculpou publicamente, através do Instagram. Pelo Facebook, a TOF fez o mesmo e disse que o desentendimento entre as partes foi resolvido.

- A situação é muito clara, já houve uma retratação dele publicamente, com o grupo e também com o André Lima. Errou não se pede desculpa. Errou não será mais igual. A atitude que ele teve em relação a mim e a um zero à esquerda tem o mesmo valor. Foi um tiro no pé que prejudicou a ele próprio porque havíamos conversado bastante durante a semana, e ele sabia o que estava previsto - completou o comandante rubro-negro.

Confira a nota oficial do Atlético-PR:

"Após as atitudes de indisciplina na partida do último domingo (10), contra o Londrina, o Atlético Paranaense comunica que o atacante Walter foi penalizado administrativamente. O jogador se desculpou com o Clube, com a comissão técnica e com os demais companheiros. Walter está integrado ao grupo, treina normalmente e está à disposição da comissão técnica rubro-negra para o jogo desta quarta-feira (13), diante do Brasil de Pelotas, pela Copa do Brasil".