Brasil x Atlético-PR

Atlético-PR não jogou bem, principalmente no segundo tempo. (Divulgação/Atlético-PR)

Guilherme Moreira
17/03/2016
23:44
Curitiba (PR)

Mesmo saindo na frente, o Atlético-PR não conseguiu segurar o resultado e empatou com o Brasil-RS por 1 a 1 nesta quinta-feira, no Estádio Bento de Freitas, em Pelotas, pela partida de ida da primeira fase da Copa do Brasil. O Furacão, empatando com gols, tem a vantagem inicial para o duelo da volta.

Aos 6, Nikão fez boa jogada pela esquerda e tocou para Walter que, de letra, deixou para Jadson, na entrada da área, mandar uma bomba que só parou no travessão. Com 17, o time da casa chegou com Ramon, que recebeu em velocidade e chutou cruzado para fora.

O Furacão, que tinha a posse de bola e pecava na criatividade, só foi assustar novamente aos 34. Nikão cobrou falta da direita e Vilchés, de cabeça, assustou o goleiro Eduardo Martini, com a bola indo para a linha de fundo.

Se na paciência na troca de passes não funcionava, o time rubro-negro saiu na frente de outra forma. No contra-ataque, Eduardo foi lançado pela esquerda e cruzou para a área. Pablo tentou finalizar e furou, mas Marcos Guilherme completou da pequena área. 1x0. 

Na volta do intervalo, o técnico Paulo Autuori tirou o autor do gol e colocou o titular Vinícius pensando em matar a partida. Mas o confronto iniciou morto e demorou para ganhar emoção. Aos 19, Nathan aproveitou vacilo da zaga atleticana, avançou e chutou para fora, desperdiçando boa chance.

Com 26 foi a vez do sistema defensivo do Xavante dar bobeira, Giovanny roubar e rolar para Pará bater por cima da trave. No minuto seguinte, Vinícius cruzou na medida para Walter, que cabeceou em cima do arqueiro.

A resposta do Brasil aconteceu aos 29 e, depois daí, não parou mais. Nathan, que entrou na segunda etapa, driblou Thiago Heleno e bateu cruzado, mas a zaga rubro-negra tirou bem na hora da finalização. Mas, na sequência, não teve jeito.

Em jogada bem parecida, Nathan cortou o ala Eduardopara o mesmo lado e Marcos Paraná não desperdiçou dessa vez, tocando para as redes de Weverton após ninguém fazer o corte do cruzamento. 1x1, aos 30 minutos.

Com a igualdade, o Xavante aproveitou o bom momento e foi para cima do Atlético-PR. Nathan, outra vez, recebeu pela esquerda, cortou o adversário e tocou para Felipe, livre, chutar nas mãos de Weverton. Vinícius, aos 37, ainda foi expulso após fazer falta, levar cartão amarelo e reclamar da arbitragem. Nada que alterasse o resultado.

A igualdade deixa o Atlético-PR com a vantagem de empatar por 0 a 0 ou por qualquer vitória. O duelo da volta acontece no 14 de abril, ainda sem horário definido, na Arena da Baixada. O vencedor do confronto entre Furacão e Brasil-RS encara o Nacional-AM ou Dom Bosco-MT.

FICHA TÉCNICA
BRASIL-RS 1X1 ATLÉTICO-PR​


Local: Bento de Freitas, Pelotas (RS)
Data-Hora: 17/3/2016 - 21h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: José Reinaldo Nascimento Junior (DF) e Leila Naiara Moreira da Cruz (DF)
Público/renda: Não divulgados. 
Cartões amarelos: Teco, Leandro Leite, Diogo Oliveira (BRA), Jadson, Vinícius (CAP)
Cartão vermelho: Vinícius (CAP)
Gols: Marcos Guilherme (45'/1ºT) (1-0), Marcos Paraná (30'/2ºT) (1-1)

BRASIL-RS: Eduardo Martini; Wender, Cirilo, Teco e Brock; Leandro Leite, Fernando Cardozo (Weldinho); Diogo Oliveira e Felipe Garcia; Ramon (Nathan) e Marcos Paraná (Gustavo Papa). Técnico: Rogério Zimmermann.

ATLÉTICO-PR: Weverton; Eduardo, Christián Vilches, Thiago Heleno e Pará; Deivid, Jadson e Marcos Guilherme; Nikão (Giovanny), Pablo e Walter (André Lima). Técnico: Paulo Autuori.