Montagem Marquinhos e Anderson Aquino

Marquinho e Anderson Aquino chegam para reforçar o Botafogo no Brasileiro (Foto:LANCEPRESS!)

Vinícius Britto
15/04/2016
08:00
Rio de Janeiro (RJ)

Mesmo estando nas semifinais do Campeonato Carioca, o Botafogo já pensa no futuro. Sabendo da necessidade de se reforçar para a disputa do Campeonato Brasileiro, a diretoria tem trabalhado em busca de nomes que se encaixem no perfil de reforços procurados: bons e baratos.

Dois nomes já certos são o do meia Marquinho e do atacante Anderson Aquino. O primeiro só deve chegar no final de maio, quando o seu contrato com o Macaé se encerra. O jogador, de 26 anos, chegará ao clube ganhando cerca de R$ 20 mil mensais e credenciado por bons momentos no Macaé. Contra o Botafogo, na partida válida pela primeira fase, ele chegou a acertar a trave de Jefferson. Tem como características e velocidade e o drible.

Anderson Aquino, que deve chegar para realizar exames médicos já na semana que vem, era um antigo desejo do clube. Ainda em 2013, ele chegou a treinar em General Severiano, mas acabou sendo reprovado na parte médica. O jogador, de 29 anos, chega para ser mais uma opção de ataque. E ele já foi elogiado pelo técnico Ricardo Gomes. Contudo, como o próprio técnico disse, não é a referência que o Botafogo ainda procura. Segundo atacante de origem, ele é visto como opção para jogar pelos lados, e não como centroavante.

Anderson Aquino Linense
Anderson Aquino deve chegar na próxima semana (Foto: Divulgação)

Ainda assim, as contratações do Botafogo não irão parar por aí. Na lateral-esquerda, o clube busca um jogador para disputar posição com Diogo Barbosa. Nomes são oferecidos constantemente, mas a dificuldade de negociar uma liberação acabam prejudicando o negócio. Marquinhos Pedroso, do Figueirense, e Bryan, do América-MG, foram alguns dos casos.

No caso do centroavante, a situação é um pouco mais complicada. A diretoria busca um jogador calejado, que chegue ao clube para assumir a posição e tirar a pressão de Ribamar e Luis Henrique. Contudo, não abre mão da sua política de contenção de gastos salarias. Desta forma, o mercado sul-americano deve continuar sendo explorado, com o Botafogo ocupando a quinta vaga para estrangeiros dentro do elenco.

Júnior Dutra cada vez mais distante

Antes muito próximo de um acerto com o clube, a negociação com o atacante Júnior Dutra deu uma esfriada. O jogador, de 27 anos, se desvinculou via tribunal do Al Arabi, do Catar, por conta de falta de pagamentos. Mas a diretoria do Botafogo teme uma possível ação do ex-clube na Fifa. Além do mais, como o LANCE! já antecipou, o Santos entrou na briga pelo atacante.