Sada Cruzeiro vence São Judas Vôlei pela Superliga

Sada Cruzeiro venceu Taubaté pela Superliga (Foto: Divulgação)

Web Vôlei
13/03/2019
22:46
São Paulo

O Sada/Cruzeiro voltou a ocupar a liderança da Superliga Cimed Masculina de vôlei 2018/2019. O time do técnico Marcelo Mendez derrotou o EMS/Taubaté por 3 sets a 1 - parciais de 25/21, 16/25, 25/18 e 25/23 -, na noite desta quarta-feira, no Ginásio do Riacho, em Contagem (MG), em jogo válido pela nona rodada do returno e adiado por causa da participação da equipe mineira no Sul-Americano de Clubes.

O Cruzeiro tem agora 54 pontos, contra 53 do vice-líder Sesi-SP, justamente o adversário da equipe celeste na última rodada da fase classificatória, sábado, às 19h30, novamente no Riachão, com transmissão do SporTV 2.

O Taubaté manteve-se em terceiro lugar, com 44 pontos. Na última rodada, o time do técnico Renan Dal Zotto recebe o Copel Telecom/Maringá, no mesmo dia e horário, em Taubaté, só para cumprir tabela, já que não corre o risco de cair para o quarto lugar, nem tem chances de ocupar a vice-liderança.

O oposto Evandro foi o maior pontuador da partida, com 21 pontos (17 de ataque, 2 de bloqueio e 2 de saque). O central Isac marcou 10, Rodriguinho 9 e o norte-americano Sander, 7. Pelo lado do Taubaté, os maiores pontuadores foram o oposto Leandro Vissoto e o ponteiro Lucarelli, ambos com 13 pontos cada um.

Antes do jogo, a  Sada, marca que estampa a camisa do Cruzeiro desde 2006
, foi alvo de uma homenagem. Dentro das comemorações dos 25 anos da Superliga, o Grupo Sada foi homenageada como o patrocinador que há mais tempo está na competição nacional, em 13 anos consecutivos. O presidente da empresa, Vittorio Medioli, recebeu a placa da Confederação Brasileira de Voleibol – CBV, pelas mãos do superintendente da entidade, Renato D’Ávila.

- Agradeço muito por essa homenagem. Creio que a paixão, dedicação e seriedade que nós colocamos no projeto ajudaram a melhorar um pouco o vôlei, que já era forte no Brasil. E é muito gratificante saber que alguma coisa nós agregamos. E também, sobretudo, é preciso destacar que este projeto não se restringe apenas ao time profissional. Nós atendemos hoje quase 2.000 alunos, de forma gratuita, e destes projetos estão saindo os jogadores do futuro. É uma homenagem que vamos guardar com muito carinho. Estes foram os primeiros 13 anos, nós queremos seguir ainda por muitos anos, continuando com este apoio e recebendo este calor, dos jovens envolvidos, dos atletas, e de toda uma enorme torcida que nos acompanha - afirmou Vittorio Medioli, presidente do Grupo Sada e também da equipe Sada Cruzeiro.

No outro jogo atrasado realizado nesta quarta-feira, o Fiat/Minas derrotou o São Francisco/Ribeirão por 3 a 0. O resultado fez o time de BH empatar em pontos com o Sesc, quarto colocado, mas ficando atrás nos critérios de desempate.