Murilo defende o Sesi

Murilo segue no Sesi (Divulgação Fiesp)

Web Vôlei
10/09/2020
16:03
São Paulo

Com a realização de duas partidas começará nesta sexta-feira o Campeonato Paulista Masculino de vôlei, o primeiro a ser iniciado no país desde março, quando a Superliga foi paralisada por conta da pandemia do coronavírus.

A programação terá início às 18h, com o confronto entre Vôlei Renata x Vedacit Guarulhos, no Ginásio do Taquaral, em Campinas, com transmissão ao vivo do TV NSports. A partir das 21h30 será o segundo jogo, entre Sesi e Vôlei UM/Itapetininga, na Vila Leopoldina, em São Paulo, com transmissão pelo SporTV.

Nenhuma das partidas do Paulista terá presença de público nos ginásios. A competição reunirá cinco equipes (EMS/Taubaté folga na rodada). Após o turno único, as quatro equipes com melhor campanha farão as semifinais. As semis serão em dois jogos, com definição no golden set (parcial extra jogada em caso empate após o segundo jogo). A final também será em dois jogos.

- O Paulista é um campeonato muito importante, não só dentro do nosso planejamento anual, mas também dentro de nossas pretensões de conquistas. Então jogaremos com nossa maior força, maior disposição. Vamos entrar como todos os outros. Será uma estreia dura, contra um adversário qualificado e experiente, mas vamos em busca da vitória - disse o técnico Horácio Dileo, do Vôlei Renata.

- Estrearemos no Campeonato Paulista finalizando a quinta semana de trabalho (presencial). Não é o tempo ideal, se tratando de um longo período de inatividade dos atletas, porém a equipe vem se superando dia a dia e está pronta para mostrar e entregar o melhor desempenho possível - completou Guilherme Novaes, comandante do Vedacit Guarulhos.

No Sesi, uma das novidades é a presença de Marcelo Negrão, ouro nos Jogos Olímpicos de Barcelona-92, como técnico de uma equipe adulta pela primeira vez.

- Temos garotos que já se destacam nas seleções de base, meninos que possuem um potencial muito bom para despontarem. Estou esperançoso, acredito muito nesses meninos, eles podem não ter ainda a experiência, que em alguns momentos faz a diferença, mas eles vão aprender, vão adquirir e amadurecer a cada treino e a cada jogo, o importante é darmos o primeiro passo, entrarmos motivados e brigar em todas as bolas - finalizou.

Em Itapetininga, Peu Uehara, comandante de Itapetininga, a expectativa é para uma estreia tensa:

- São duas equipes jovens. Com atletas buscando seu espaço no voleibol. Com certeza será uma partida nervosa pela situação do retorno depois da parada e pela importância da partida na classificação. Campeonato curto. Todo jogo é importante para obter a vaga na semifinal.