Marrony

Marrony, em ação pelo Vasco (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

LANCE!
03/04/2019
15:55
Rio de Janeiro (RJ)

Um vacilo nos minutos finais acabou tirando o título da Taça Rio das mãos do Vasco contra o Flamengo. O pensamento no clube, porém, é aprender a lição e pensar na semifinal do Campeonato Carioca contra o Bangu, no próximo domingo. Para o atacante Marrony, a equipe precisa respeitar o adversário e ter atenção durante toda partida.

- Temos que respeitar o Bangu. Foram dois jogos que, se dermos mole, o time deles fará um bom jogo. Precisamos manter o foco. Na final da Taça Rio, nos últimos minutos, demos uma desligada e levamos o gol. Os moles que estamos dando de tomar gol no final, temos que estar cientes que não pode acontecer. Temos que correr até o último minuto. É respeitar o time deles, mas fazer um bom jogo - avaliou.

Com cinco gols, Marrony é o artilheiro do time vascaíno na temporada, com cinco gols. Tiago Reis vem logo depois, com quatro. Amigos fora de campo, o atacante falou sobre as brincadeiras caso um deles seja o artilheiro do Carioca. Eles estão atrás de Yony González, do Fluminense, Anderson Lessa, do Bangu, Maxwell, do Resende e João Carlos, do Volta Redonda.

- Não tem essa de artilheiro. O importante é o Vasco ganhar e fazer bons jogos. Se eu for artilheiro ou ele, o importante é o clube revelar mais uma joia no futebol. A zoação vai rolar, normal, mas é na amizade - brincou.

Veja outras respostas:

Semana cheia


- Tinha bastante tempo que não tínhamos uma semana cheia. Está sendo bom, de muito trabalho. O Valentim está nos dando bastante força depois da derrota nos pênaltis. Vamos acertar tudo e conversar bastante para vencer contra o Bangu.

Aniversário de Máxi López


- Todos sabem que hoje é o dia dele. Vai rolar a zoeira. Ele está voltando ao elenco. Por mais que ele seja o mais velho, hoje vai ter a zoação.

placeholder