Andy Murray

ATP Colonia

Tênis News
14/01/2021
13:47
Londres

De acordo com o jornalista britânico Stuart Fraser, o ex-número 1 do mundo, o escocês Andy Murray, é um dos mais de 2 milhões de casos confirmados da COVID-19 na Inglaterra. O tenista tem esperanças de se recuperar a tempo do Australian Open.

Fraser pontua que Murray contraiu a COVID-19 recentemente e está em isolamento em sua casa. O escocês entendeu que e seja seguro e ele possa chegar "um pouco mais tarde".

Ao todo, desde o início da pandemia em fevereiro de 2020, a Inglaterra registrou 2.789.983 casos da doença e 74.085 mortos. Das quatro nações do Reino Unido, a Inglaterra onde vive Murray com sua família é a mais populosa e a mais atingida pela doença, acumulando 90% das mortes no Reino Unido. Ao fim de 2020, os cientistas britânicos identificaram uma nova cepa do vírus, que é muito mais contagiosa que a que originou a pandemia.