Gabigol - Flamengo

Gabigol é o artilheiro do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

André Schmidt
01/03/2020
07:35
Rio de Janeiro (RJ)

Sete jogos, nove gols e um protagonismo que impressiona. Assim como em 2019, Gabigol inicia o ano disposto a marcar ainda mais o seu nome na história do Flamengo. Com títulos, grandes atuações e, principalmente, muitas bolas na rede, o atacante tem conseguido.

Contra a Cabofriense, neste sábado, Gabriel marcou três dos quatro tentos da equipe na goleada por 4 a 1 e chegou a 52 com a camisa rubro-negra. Um feito raro. Na história, apenas 56 jogadores chegaram aos 50 gols pelo clube. Poucos fizeram isso tão rápido quanto ele.

Com uma média de 0,79 gols por partida, Gabigol já é o 53º maior artilheiro da história do Flamengo. O hat-trick desse fim de semana fez com que o camisa 9 ultrapassasse, entre outros atletas, Edílson, que marcou 51 vezes em 115 atuações. Gabriel entrou em campo em apenas 66 oportunidades.

O artilheiro agora está a apenas cinco gols de entrar no top 50 do ranking. Quem hoje ocupa a 50º posição é o sérvio Petkovic, que anotou 57 tentos em 198 jogos. Zico, com 509 gols em 732 partidas, é o líder isolado.