Mateus Herdy

Aos 17 anos, Mateus Herdy passou para a terceira fase em Gold Coast, em sua estreia no WCT (Foto: Divulgação/WSL)

LANCE!
04/04/2019
15:51
Gold Coast (AUS)

Mais três brasileiros se classificaram para a terceira rodada da etapa de Gold Coast, na Austrália, que abre a temporada de 2019 do Circuito Mundial de surfe (WCT). Nesta quinta-feira, Mateus Herdy, Peterson Crisanto e Willian Cardoso passaram de fase, e se juntaram a Gabriel Medina, Filipe Toledo, Jessé Mendes, Yago Dora, Italo Ferreira, Michael Rodrigues e Deivid Silva.

Promessa catarinense de apenas 17 anos e atual campeão mundial júnior, Mateus somou 12,77 pontos para derrotar o vice-campeão mundial Julian Wilson (11,23) e o italiano Leonardo Fioravanti (10,66). Agora, ele terá pela frente mais uma vez Medina, para quem perdeu na primeira rodada.

– É um sonho virando realidade. São muitas coisas boas acontecendo numa semana só. Quando vi a bateria de hoje, sabia que seria difícil. Fiquei a manhã toda assistindo às ondas quebrarem em Duranbah e sabia onde achar uma boa. Tentei pegar as melhores porque sabia que estava contra dois grandes surfistas – disse Mateus, em entrevista à WSL após a bateria.

Onde vezes campeão mundial, o americano Kelly Slater ficou pelo caminho após amargar o último lugar em bateria vencida pelo australiano Owen Wright, que fez 13,73. Peterson terminou em segundo, com 13,50, e também avançou. Slater somou apenas 10,63. No novo formato,apenas quatro surfistas são eliminados nas repescagens e 32 se enfrentam na terceira fase, em baterias eliminatórias.

Cardoso assegurou outra dessas vagas após somar 12,93, o suficiente para selar a vitória em confronto contra o havaiano Sebastian Zietz (11,64), que avançou em segundo, e o também brasileiro Jadson André (8,90), eliminado. Caio Ibelli também se despediu. 

A WSL decidiu mais uma vez levar o campeonato para a praia vizinha, Duranbah (D'Bah), devido às recentes tempestades causadas pelo ciclone Oma na região da Gold Coast. O episódio fez com que as ondas de Snapper Rocks acordassem mais um dia sem boas condições.

Confira os resultados da segunda fase

1: Julian Wilson (AUS) 11.23 x Leonardo Fioravanti (ITA) 10.66 x Mateus Herdy (BRA) 12.77
2: Jordy Smith (AFR) 13.93 x Ricardo Christie (NZL) 12.56 x Caio Ibelli (BRA) 10.63
3: Owen Wright (AUS) 13.73 x Peterson Crisanto (BRA) 13.50 x Kelly Slater (EUA) 10.63
4: Willian Cardoso (BRA) 12.93 x Sebastian Zietz (HAV) 11.64 x Jadson André (BRA) 8.90

Confira as baterias da terceira fase

1: Filipe Toledo (BRA) x Soli Bailey (AUS)
2: Adrian Buchan (AUS) x J.J. Florence (HAV)
3: Kanoa Igarashi (JAP) x Jessé Mendes (BRA)
4: Conner Coffin (EUA) x Jeremy Flores (FRA)
5: Julian Wilson (AUS) x Reef Heazlewood (AUS)
6: Griffin Colapinto (EUA) x Seth Moniz (HAV)
7: Kolohe Andino (EUA) x Peterson Crisanto (BRA)
8: Owen Wright (AUS) x Ezekiel Lau (HAV)
9: Gabriel Medina (BRA) x Mateus Herdy (BRA)
10: Yago Dora (BRA) x Joan Duru (FRA)
11: Jordy Smith (AFR) x Ryan Callinan (AUS)
12: Mikey Wright (AUS) x Jack Freestone (AUS)
13: Italo Ferreira (BRA) x Ricardo Christie (NZL)
14: Michael Rodrigues (BRA) x Willian Cardoso (BRA)
15: Wade Carmichael (AUS) x Sebastian Zietz (HAV)
16: Michel Bourez (PLF) x Deivid Silva (BRA)