(Foto: Leonardo Fabri)

Protetor bucal é exigido antes do lutador entrar no cage (Foto: Leonardo Fabri)

LANCE!
17/12/2021
15:05
Rio de Janeiro, RJ

O lutador de MMA e de outras modalidades de trocação necessita de três equipamentos de seguranças básicos: luvas, para proteger as mãos; coquilha, as partes íntimas; e o protetor bucal, que garante não apenas a segurança dos dentes, mas do maxilar e até mesmo a caixa craniana, servindo como uma espécie de amortecedor das pancadas.

Ninguém discute a necessidade do protetor bucal. Entretanto, nem todos os modelos são eficientes. Na verdade, segundo os especialistas, o mais indicado são aqueles produzidos a partir do formato da arcada dentária de cada lutador. Expert no assunto, o dentista Dr. Murilo Cecílio destacou a importância de utilizar o equipamento correto.

“Um dos benefícios do uso do protetor bucal é conseguir proporcionar qualidade na respiração do competidor. Existe um grande déficit na modulação das placas protetoras, pois muitas pessoas acham que é 'simples’ de fazer. É extremamente importante que o acessório seja feito por um dentista, já capacitado para conseguir produzir o mesmo", alerta.

“É de suma importância ressaltar que a placa feita por terceiros, sem capacitação, pode trazer diversos problemas até mesmo no momento da luta. Por exemplo, a placa pode ficar mal encaixada e causar insegurança ao lutador, o que pode tirar todo o foco, pois a sensação de frouxidão da placa pode tomar atenção do mesmo", destaca.

Outro aviso importante é em relação à individualidade do equipamento. Dr. Murilo Cecílio lembra que o protetor jamais deve ser emprestado. Por fim, ele afirma que sua utilização pode impactar positivamente ou negativamente a performance do lutador. Inclusive, evitando até mesmo o nocaute.

“Os lutadores que utilizam os protetores bucais de forma adequada e produzida por um profissional tendem a ter um bom desempenho nas lutas. Além disso, é válido ressaltar que os protetores utilizados corretamente diminuem fortemente o impacto no cérebro e lesões de Articulação Têmporo Mandibular (ATM ), que é responsável pelo famoso apagão nas lutas; portanto, diminui de forma ativa as chances de nocaute", frisa.