LANCE!
13/10/2018
21:05
Rio de Janeiro (RJ)

O Vasco recebe o Cruzeiro neste domingo em São Januário e o objetivo é vencer para se afastar da zona da degola. Pressionada, a equipe de Alberto Valentim quer aproveitar o apoio da torcida para consolidar os três pontos diante da Raposa, algo que não acontece desde 2006 na Colina. A principal arma dos cariocas é o atacante Maxi López, que vive bom momento. 

Para o Cruzeiro, por outro lado, a partida não tem tanto apelo. O duelo é uma passagem de tempo até a decisão da Copa do Brasil, quarta-feira, na Arena Corinthians. Com o time reserva, a Raposa busca dar ritmo a alguns jogadores, como Fred, que será titular pela primeira vez em seis meses.

CONFIRA A TABELA DO BRASILEIRÃO
-> Clique aqui para ver 

A equipe de Mano Menezes busca alcançar a pontuação que o garanta sem sustos na elite do Brasileiro. No momento, é o nono, com 37 pontos, mas não quer ficar distante do G6. Mesmo assim, Mano Menezes levará um time alternativo para o duelo no Rio.

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Data-horário: 14 de outubro de 2018, domingo, às 16h
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva e Fabio Pereira (GO)
Onde assistir: Premiere e tempo real do LANCE!

VASCO:
Fernando Miguel; Luiz Gustavo, Werley, Leandro Castan e Ramon; Raul, Andrey, Fabrício; Yago Pikachu, Andrés Ríos e Maxi López. Técnico: Alberto Valentim

Pendurados: Luiz Gustavo, Yago Pikachu, Giovanni Augusto, Martín Silva, Andrey e Ricardo
Desfalques: Willian Maranhão (suspenso), Martin Silva (convocado), Breno, Miranda, Lenon, Bruno Silva, Desábato, Marcelo Mattos, Rildo, Vinícius Araújo e Caio Monteiro

CRUZEIRO: 
Rafael, Ezequiel, Murilo, Manoel e Marcelo Hermes (Patrick Brey). Ariel Cabral, Bruno Silva, Lucas Romero e Mancuello. David e Fred. Técnico: Mano Menezes

Pendurados: Ezequiel, Léo, Murilo, Thiago Neves e Rafael Sobis

PALPITES: Na redação do LANCE!, 40% dos jornalistas consultados acreditam em vitória do Vasco no Pacaembu, 40% na vitória do Cruzeiro e os outros 20%  apostaram no empate.