Leandro Castan - Vasco

Leandro Castan durante treino no CT do Almirante (Rafael Ribeiro/ VASCO)

LANCE!
13/10/2018
16:10
Rio de Janeiro (RJ)

Contratação de peso para o segundo semestre ao lado de Maxi López, o zagueiro Leandro Castan retorna ao time titular após cumprir suspensão contra o Botafogo. E com a tarefa de parar o ataque do Cruzeiro, que está focado na Copa do Brasil e deve jogar com time alternativo. Bom momento para a equipe voltar a vencer no Brasileirão.

- Já estamos há quatro jogos nessa questão do divisor de águas. Não estamos conseguindo vencer para dar um salto na tabela, mas temos agora uma outra oportunidade e espero que dessa vez a gente alcance o resultado positivo.  Nossa equipe merece, pois é muito trabalhadora, tem dado o máximo nos treinamentos. O professor Alberto também tem procurado dar o melhor para nós. Que os bons frutos comecem a ser colhidos no domingo - afirma Castan, que agradece o apoio da torcida.

- Estamos passando por um momento importante dentro do Brasileiro. A torcida tem feito a parte dela e estamos trabalhando para dar a volta por cima na competição. Vamos dar o máximo. Precisamos acreditar mais na gente. Nossa equipe tem qualidade e poderia estar melhor colocada na tabela. Esse jogo é fundamental - conclui o defensor.

Em 9º na tabela, o Cruzeiro tem dez gols a menos que o Vasco no Brasileirão (22 a 32). Ambos venceram apenas uma das últimas cinco partidas do campeonato. Seis pontos separam as duas equipes na tabela - o time de Mano Menezes, porém, tem um jogo a menos.

TIME ALTERNATIVO TAMBÉM PREOCUPA
Focado nas finais da Copa do Brasil, o técnico do Cruzeiro deve escalar time alternativo na tarde deste domingo, em São Januário. O que não facilita em nada na visão de Castan. O zagueiro conhece os adversários e alerta para os perigos que terá em campo..

- É uma equipe de muita qualidade e que não está na final da Copa do Brasil à toa. Não teremos facilidade, nem mesmo se eles vierem para cá com um time alternativo. Se trata de um grupo com muito potencial. Conheço vários jogadores do elenco - diz Castan, que ficará de olho em Fred.

- Joguei com ele (Fred) na Seleção Brasileira e sei de sua qualidade. É um atleta que precisar ser acompanhado de perto. Temos que respeitar não só ele, mas toda a equipe do Cruzeiro. Atenção não pode faltar - declarou o camisa 25, revelando o que significaria para o Vasco uma vitória sobre os mineiros.

placeholder