Cabofriense x Vasco

Cabofriense venceu o Vasco no último fim de semana (Foto: Gabriel Lordello/Zimel Press/Lancepress!)

LANCE!
23/03/2019
20:02
Cabo Frio (RJ)

A última rodada da Taça Rio promete fortes emoções. A Cabofriense, terceira colocada no Grupo C, com dez pontos ganhos, tem grandes chances de se classificar para as semifinais da competição. Mas para isso, precisa fazer o seu papel e vencer o jogo contra o Madureira, neste domingo, às 16h, em Conselheiro Galvão.

Com a classificação encaminhada para a Série D do Campeonato Brasileiro do ano que vem, a Cabofriense mira também a sonhada vaga nas semifinais. Um dos destaques do time no segundo turno, o zagueiro Igor pediu empenho máximo para conseguir outro objetivo.

- É um jogo muito importante tanto para o clube como para todos nós atletas. Vamos manter o foco, a concentração e se empenhar o máximo deixando tudo em campo para juntos conseguirmos esse nosso segundo objetivo que é chegar na semifinal – disse o camisa 4.

Motorzinho do time, o meia-atacante Rafael Pernão está confiante em um bom resultado.

- Expectativa muito boa, vai ser um jogo muito difícil, time do Madureira é bom, mas estamos cientes do que temos que fazer pra sairmos de lá com a vitória. Estamos confiantes, mas essa confiança vem da grande campanha que estamos fazendo na Taça Rio e temos tudo pra ir lá e saímos com os três pontos e se Deus quiser com a classificação. Esse grupo merece. – comentou o camisa 7.

Matemática da classificação

Para ficar com a vaga a Cabofriense vai ter que vencer e secar seus principais rivais, no caso o Bangu, líder com 12 pontos, e o Flamengo, segundo colocado, com 11. O time da zona oeste enfrenta hoje o Vasco, às 19h, enquanto o Rubro-Negro faz clássico contra o Fluminense, no Maracanã, neste domingo.

Pra terminar na zona de classificação, a Cabofriense terá que vencer o Madureira e torcer para que o Bangu não vença o Vasco. Em caso de derrota do alvirrubro e vitória do tricolor praiano, o time de Cabo Frio ultrapassa o rival nos pontos: 13 contra 12.

Em casa de empate do Bangu o tricolor praiano iguala em número de pontos (13 contra 13) e passa o adversário no saldo de gols (seis contra cinco).

Mesma situação serve para o Flamengo. Se a Cabofriense vencer o seu desafio e o Fla empatar ou perder para o Fluminense, o tricolor praiano ultrapassa os Rubro-Negros em números de pontos. Há chance do time de Cabo Frio se classificar até empatando, mas para isso o clube da Gávea teria que perder por diferença de dois gols para o tricolor das Laranjeiras.