Beneméritos do Vasco falam em ‘atos de vandalismo’, e Fluminense muda jogo da Libertadores de São Januário

Em nota, Conselho do clube classificou como 'desrespeito contra o nosso patrimônio' a Cruz de Malta ter sido tampada. Tricolor informou que decisão foi estabelecida pela Conmebol

São Januário

Escrito por

Durante a partida entre Fluminense e Millonários, realizada em São Januário, pela Copa Libertadores, a Cruz de Malta, um dos símbolos históricos do Vasco, apareceu tampada. Com a repercussão durante o dia, o Conselho de Beneméritos do Cruz-Maltino divulgou uma nota em que repudia os "atos de vandalismo e desrespeito cometidos contra nosso patrimônio". 

A imagem do símbolo tapado com uma faixa na torre do placar eletrônico irritou boa parte da torcida do Vasco e tomou conta das redes sociais com uma repercussão negativa. No entanto, a determinação faz parte do regulamento da Conmebol, que prevê que é "necessário cobrir logos institucionais do dono do estádio" caso dispute uma partida como mandante em outro local. 

Ainda não é assinante do Cariocão-2022? Acesse www.cariocaoplay.com.br, preencha o cadastro e ganhe 5% de desconto com o cupom especial do LANCE!: GE-JK-FF-ZSW

Cabe salientar que São Januário ficou à disposição do Fluminense e da Conmebol durante as últimas 48 horas. Para o aluguel do Estádio, uma das ações foi justamente cobrir as logos do Vasco para a disputa da partida decisiva. O Tricolor venceu o Millonários por 2 a 0 e avançou para a segunda fase da Pré-Libertadores.

Após essa polêmica, o Tricolor não irá disputar os jogos contra Olímpia, do Paraguai, ou Atlético Nacional, da Colômbia, na Colina Histórica. O clube jogará no Nilton Santos, e a mudança foi realizada a pedido do Vasco, que alegou razões de segurança, e não terá qualquer cobrança de multa.

CONFIRA A NOTA NA ÍNTEGRA DO CONSELHO DE BENEMÉRITOS DO VASCO

O Conselho de Beneméritos do Club de Regatas Vasco da Gama vem, por meio deste comunicado, repudiar os atos de vandalismo e desrespeito cometidos contra nosso patrimônio na partida Fluminense x Millonarios realizada ontem, dia 01/03/2022.

São Januário, construído com suor e dedicação de tantos vascaínos, não é apenas um estádio de futebol, é o símbolo de como a paixão de um torcedor pode mover montanhas e quebrar barreiras por amor ao seu clube, e na defesa de seus ideais. Nosso estádio é um símbolo da resistência vascaína diante do preconceito dos poderosos da época. Foi palco de inúmeros acontecimentos da história brasileira, abrigando a promulgação da consolidação das leis trabalhistas, discursos de presidentes, shows de artistas internacionais e até a realização do desfile das escolas de samba do RJ.

Não podemos admitir que tal desrespeito contra este patrimônio, que é um dos grandes ícones do Rio de Janeiro, localizado, com muito orgulho, em área popular da cidade, fique sem a devida resposta. Como este Conselho é responsável por exercer fiscalização sobre o Patrimônio Social do Clube, conforme artigo 87, inciso II do nosso estatuto, não iremos descansar até que todos os torcedores que frequentem nosso estádio sejam respeitosos e zelosos com este que é nosso grande orgulho.

VEJA A NOTA DO FLUMINENSE SOBRE A MUDANÇA

O Fluminense informa que jogará no Estádio Nilton Santos o próximo jogo válido pela Libertadores. A decisão foi tomada após pedido do Vasco da Gama, que alegou razões de segurança para pedir a mudança do local inicialmente marcado para o jogo.

Embora estivesse prevista em contrato a realização dos dois jogos em São Januário, o Fluminense decidiu mudar o local da partida em nome da boa relação entre os dois clubes do Rio, sem cobrança de multa.

O Fluminense lamenta que questões de segurança, verificadas na história recente do futebol brasileiro, tenham balizado o pedido do Vasco. E ressalta que as regras que impedem a exposição de símbolos cruzmaltinos, que geraram reclamações de alguns torcedores, foram estabelecidas pela Conmebol.

Após linda festa ocorrida na noite de terça (01/03), na vitória contra o Millonarios, o Fluminense agradece a receptividade do Vasco da Gama, clube com o qual manterá a mesma relação cordial e respeitosa de sempre.

Como o gramado do Maracanã ainda não está pronto, e por isso o Time de Guerreiros ainda não poderá atuar em sua casa, o Fluminense convida sua imensa torcida para, desta vez, lotar o Nilton Santos e empurrar novamente o time para mais uma vitória.

“…e se quiser saber sou Tricolor…aonde o Flu jogar, é pra lá que eu vou …”

News do Lance!

Receba boletins diários no seu e-mail para ficar por dentro do que rola no mundo dos esportes e no seu time do coração!

backgroundNewsletter