Sede da Uefa

Uefa realizou reunião nesta quarta-feira com as 55 federações (Divulgação)

LANCE!
01/04/2020
09:51
Milão (ITA)

Em reunião realizada pela Uefa com as 55 federações nesta quarta-feira foi decidido que a prioridade do calendário europeu será terminar os campeonatos nacionais e a Liga dos Campeões. A entidade máxima do futebol do Velho Continente acredita que todas as competições possam ser finalizadas a partir de junho. Para isso acontecer, também foi determinado o cancelamento de amistosos de seleções previstos para a primeira semana de junho com o objetivo de ganhar datas no calendário, segundo informa o diário "As".

Muitos países, a exemplo da Holanda, que suspendeu a Eredivisie até o dia primeiro de junho, já dão por perdido os meses de abril e maio. Dependendo dos avanços do coronavírus e das decisões dos governos, espera-se que os times retomem os treinamentos e possam fazer uma espécie de “pré-temporada” antes dos torneio voltarem à rotina.

Representantes do Campeonato Espanhol e Inglês disseram que a prioridade é terminar suas competições mesmo que o calendário tenha que ser estendido no verão europeu e ocupe parte da temporada 2020/2021. A proposta feita por um dos grupos de trabalho criados pela Uefa de suspender as copas nacionais foi negada.

O Sindicato de Jogadores (FIFPro) também foi ouvido para que medidas com relação a contratos de jogadores sejam universais e alcancem todos os atletas, não apenas aqueles que os clubes desejam manter. Além disso, a discussão sobre recuperação de datas próximas do natal e ano novo não foi esclarecida e não contempla jogadores da América do Sul e África que geralmente retornam aos seus países para ficar com as famílias.