Logo Lance! Betting

Guardiola sai em defesa de Haaland após nova enxurrada de críticas

Desempenho do atacante tem gerado debate na Inglaterra

Haaland e Guardiola
Guardiola voltou a defender Haaland das críticas que vem sofrendo pelo seu desempenho (Foto: OLI SCARFF / AFP)

Escrito por

O atacante Erling Haaland foi alvo de fortes críticas novamente por sua atuação frente o Real Madrid, no jogo de ida das quartas de final da Champions League. Nesta sexta-feira (12), em entrevista coletiva, o técnico Pep Guardiola saiu em defesa do norueguês novamente.

➡️ A boa do Lance! Betting: vamos dobrar seu primeiro depósito, até R$200! Basta abrir sua conta e tá na mão!

- Haaland é jovem, tem espaço para melhorar. Mas melhorar é mais uma questão da equipe do que dele. Ele não estava envolvido (no jogo)? Marcamos três gols, mas ele tinha dois zagueiros próximos. É a posição mais difícil em campo, são dois contra um. Eles estavam muito próximos e são ótimos defensores - respondeu Guardiola após ser perguntado se Haaland estava alheio ao time durante a partida.

A sensação de que o centroavante estava distante do jogo foi reforçada pelos comentários do jornal "As", que chamou Haaland de fantasma no jogo, e do ex-jogador Rafael van der Vaart, que classificou o jogador como inútil na partida.

Nas últimas semanas, Haaland tem sofrido com as cobranças sobre o seu desempenho. Recentemente, outro ex-jogador, Roy Keane, chegou a comparar o artilheiro com um atacante da quarta divisão por conta do seu desempenho.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

À época, Guardiola já havia feito declarações fortes em defesa de seu atacante, ressaltando que Keane trabalha como técnico de terceira divisão e Haaland é um dos melhores atacantes do mundo. Na última temporada, por exemplo, o jogador balançou as redes 52 vezes em 53 partidas.

FBL-ENG-PR-SHEFFIELD UTD-MAN CITY
Desaprendeu? Má fase de Haaland no City faz do atacante alvo de críticas (Foto: DARREN STAPLES / AFP)

Tais números fizeram o centroavante terminar na segunda posição no prêmio da Bola de Ouro. Na mesma coletiva desta sexta-feira, Guardiola utilizou o prêmio como exemplo para justificar a sua visão de que o desempenho de Haaland é menos importante que o desempenho da equipe.

- O objetivo não é a Bola de Ouro, o objetivo é ganhar troféus e ele conseguiu (na temporada 2022/2023). Teríamos ganhado cinco troféus sem ele? Não se trata de Erling (Haaland) ou de qualquer outro jogador. Até você se aposentar, você sempre pode ser melhor - finalizou o técnico.

News do Lance!

Receba boletins diários no seu e-mail para ficar por dentro do que rola no mundo dos esportes e no seu time do coração!

backgroundNewsletter