Diogo - Johor Darul Ta’zim FC

Diogo foi ídolo do Buriram, da Tailândia, antes de chegar nesta temporada ao futebol malaio (Foto: Divulgação)

LANCE!
08/02/2019
15:02
Johor Bahru (MAL)

O atacante brasileiro Diogo, recém-contratado pelo Johor Darul Ta'zim, fez seu primeiro gol pelo clube nesta sexta-feira, no triunfo por 4 a 1 sobre o Kuala Lumpur, em jogo válido pela segunda rodada da Superliga da Malásia.

O camisa 8, que entrou na segunda etapa da partida por ainda estar se recondicionando fisicamente após sofrer uma torção no joelho durante a pré-temporada, marcou seu gol após quatro minutos em campo, em seu segundo jogo oficial pelo clube.

- Foi muito importante ajudar a equipe com um gol nesta vitória. E foi mais especial ainda por eu ter ficado lesionado por 21 dias e antes do duelo ter treinado apenas duas vezes com o grupo. Então ainda estou um pouco fora do ideal fisicamente. Valeu pelo gol e por pegar ritmo de jogo - analisa Diogo.

No jogo desta sexta-feira, disputado na casa do JDT, no estádio Haji Hassan Yunos Sri Dato, em Johor Bahru, o time da casa teve dificuldades e só conseguiu abrir o marcador nos acréscimos do primeiro tempo, com gol do argentino Cabrera. Na segunda etapa, a equipe ampliou com o malaio Ahmad, fez o terceiro com Diogo e o quarto com Nasrulhaq – o Kuala Lumpur ainda diminuiu com gol de Sylvano.

Atual pentacampeão da Superliga da Malásia, o JDT começou muito bem a busca pelo hexacampeonato, visto que venceu os dois primeiros duelos (no último sábado havia vencido o Perak, por 1 a 0), e já é o líder da competição. Maior contratação da história do futebol malaio, Diogo já disputou dois jogos oficiais pelo clube e marcou um gol, além de já ter faturado o título da Supercopa da Malásia.

- Era para ter sido um dia feliz, por eu ter marcado meu primeiro gol pelo JDT, mas a tristeza por essa tragédia no CT do Flamengo supera qualquer sentimento. Por isso, registro toda a minha solidariedade às famílias das vítimas e estou em orações por eles e também pela recuperação dos garotos que estão hospitalizados - ressalta Diogo, que defendeu o Flamengo no ano de 2010.