Arizona Cardinals

Arizona permanece com uma campanha perfeita na atual temporada (Reprodução / Twitter / Arizona Cardinals)

LANCE!
10/10/2021
20:52
Glendale (EUA)

O Arizona Cardinals permanece como o único time invicto na NFL. Neste domingo (10), jogando em casa, no State Farm Stadium, em Glendale, a equipe superou outro rival de divisão, dessa vez o San Francisco 49ers por 17 a 10, chegando à quinta vitória em cinco jogos. É a primeira vez que a franquia inicia uma temporada com 5-0 desde 1974. Kyler Murray não teve um jogo muito brilhante, mas a defesa dos Cardinals foi muito importante para o resultado, pressionando Trey Lance inúmeras vezes e impedindo quartas descidas. Além disso, os Niners cometeram muitas faltas e isso beneficiou o jogo de Arizona. 

Kyler Murray terminou o jogo com 22 de 31 passes completados, com 239 jardas e um TD. DeAndre Hopkins teve um jogo com seis recepções para 87 jardas e um touchdown. Em sua primeira aparição como titular, Trey Lance finalizou o duelo com 89 jardas corridas e 192 passadas.

O jogo
Uma partida muito truncada desde o seu início, com o Arizona abrindo o placar após uma interceptação de Budda Baker em Trey Lance. O ataque do time da casa foi a campo após o turnover e James Connor, com uma corrida de uma jarda, marcou o touchdown. Foi uma sucessão de turnover on downs e punts até que Matt Prater acertou um Field Goal de 21 jardas para colocar o Arizona com 10 a 0 no placar no primeiro tempo. A equipe da casa ainda tentou um Field Goal desesperado de 61 jardas antes do intervalo, mas Prater não teve sucesso. 

Em sua primeira exibição como titular dos Niners, Trey Lance não teve vida fácil contra a defesa dos Cardinals, sem contar as várias perdas de jardas em holdings e outras faltas praticadas por sua linha ofensiva. Mas San Francisco chegou lá no terceiro período, quando Deebo Samuel, no shotgun, fez um TD de 13 jardas. Joey Syle, no extra-point, mandou para dentro, colocando aquela emoção no confronto: 10 a 7. 

Podemos questionar aqui as várias decisões de Kyle Shanaham, que confiou muito em quartas descidas nada plausíveis. Quando poderia ter colocado o ataque dos Cardinals contra a parede, principalmente porque Kyler Murray parecia sentir um desconforto no bíceps direito, o head coach dos Niners não o fez. E aí, meus amigos, a adaga foi aplicada. Duas belíssimas conexões entre Murray e DeAndre Hopkins após uma tentativa de quarta descida frustrada e o touchdown para tirar os Cardinals do sufoco. Aquela recepção acrobática, no canto esquerdo da endzone e Hopkins para a galera: 17 a 7 depois do extra-point de Matt Prater. A defesa do Arizona voltou a campo para fechar a porta e evitar o TD dos adversários, com os Niners sendo obrigados a chutar o FG. Kyler Murray comandou alguns decisivos avanços e sem tempo para pedir no relógio, a derrota de San Francisco foi decretada, com Arizona vencendo por 17 a 10. Mais um triuno na conta do líder da NFC West, um 5-0 histórico.