ESPN Brasil

Criada em 1995, marca chegou ao seu fim em 2022 (Reprodução/ESPN Brasil)

Ricardo Guimarães
17/01/2022
13:51
Rio de Janeiro (RJ)

A Disney encerrou oficialmente nesta segunda-feira a marca 'ESPN Brasil', após 27 anos. O marco foi lamentado pelo jornalista José Trajano, um dos fundadores da versão brasileira em 1995. Mas por que a Disney decidiu tomar essa atitude que deu fim também a marca 'Fox Sports'?

A Disney tomou essa decisão por entender que seus canais precisavam manter um padrão global de seus produtos. Ou seja, como não existe um canal da ESPN acompanhado do nome do país em nenhum outro lugar do mundo, a empresa achou por bem fazer a padronização.

Com isso, a ESPN Brasil passa a se chamar apenas ESPN; a ESPN vira ESPN2; a ESPN2 se torna ESPN3 e o Fox Sports se tornou a ESPN 4. Não haverá mudança nos nomes apenas dos canais ESPN Extra e Fox Sports2.

Em contato com o LANCE!, a Disney confirmou a informação e enviou uma nota oficial:

- A reformulação faz parte do planejamento da Companhia em busca de sinergia em seu pilar de esportes, seguindo os investimentos em sua programação, contando com um extenso portfólio de direitos, além de uma equipe de jornalismo referência junto aos fãs de esportes. Para se adaptar ao novo contexto derivado da convergência dos negócios que a Empresa opera, e com o intuito de padronizar a forma como os canais esportivos são conhecidos em toda a América Latina e nos Estados Unidos, a partir de 17 de janeiro de 2022, o canal ESPN Brasil passa a se chamar apenas ESPN - disse a empresa, completando com a informação dada acima da nova nomenclatura dos outros canais do grupo.

A padronização também atingiu as redes sociais. O perfil oficial do Fox Sports, com mais de 5 milhões de seguidores, por exemplo, virou 'SportsCenterBR', marca conhecida mundialmente e que é atração da ESPN na grade de programação.

Alguns seguidores foram pegos de surpresa e questionaram a mudança na identidade visual.