Jadson

Jadson pode se "adiantar" na fila das preferências de Mano Menezes na escalação do Cruzeiro-(Vinnicius Silva/Cruzeiro)

Valinor Conteúdo
26/06/2019
18:27
Belo Horizonte

Os trabalhos do Cruzeiro na intertemporada seguem a todo vapor na Toca da Raposa 2. Mano Menezes e sua comissão têm mesclado atividades físicas e técnicas, na academia e no campo, para que os atletas retomem o melhor condicionamento para as decisões que estão por vir no mês de julho.

Neste início de trabalho, o volante Jadson tem ganhado cada vez mais espaço e a saída de Lucas Silva, que não teve o seu empréstimo renovado pelo Real Madrid, pode facilitar a ascensão do jogador na equipe celeste. Mano tem testado o atleta no time titular ao lado do capitão Henrique, no que pode ser um esboço para as próximas partidas da equipe.

Feliz com a eventual oportunidade e com a preparação do elenco como um todo nesta semana de retorno aos trabalhos, o jogador prega otimismo para as próximas semanas do time estrelado.

-Para mim é importante. É a coroação de um trabalho que eu venho fazendo desde que cheguei aqui. A gente sabe que a disputa por posição no elenco do Cruzeiro é acirrada e os mínimos detalhes decidem quem entra jogando ou não. Fico muito feliz e espero continuar fazendo meu trabalho para colher os frutos daqui até o final do ano-disse Jadson, que cita a importância de se ter a confiança do técnico celeste.

-Confiar no treinador é um passo à frente para você se sentir bem em campo. E nós confiamos no Mano e naquilo que ele propõe. A ideia dele nesse começo de intertemporada é muito boa. A gente espera executar bem para vencermos os próximos jogos-destacou.

O meio-campista chegou ao Cruzeiro no início desta temporada e já acumula 18 partidas com a camisa cinco estrelas. Seu próximo objetivo é ter uma sequência ainda maior para ajudar seus companheiros em campo.

-Me apego muito ao trabalho que eu faço no dia a dia. Procuro me dedicar e evoluir o máximo possível para estar no nível do Cruzeiro. Minha perspectiva é a de ter mais oportunidades e poder corresponder dentro do campo. Espero que ao longo desses próximos meses eu possa estar mais em campo pelo Clube-projetou.

Na volta da intertemporada, o Cruzeiro terá pela frente, além dos jogos do Brasileirão, decisões contra Atlético-MG e River Plate, nos mata-matas da Copa do Brasil e da Conmebol Libertadores. Na visão de Jadson, é preciso, além de tudo, ter pensamento positivo de que a equipe conseguirá superar os difíceis desafios para continuar em busca dos objetivos na temporada.

-Em campeonatos como a Copa do Brasil e a Libertadores, que vão se decidir neste mês de julho, você está em uma linha em que não se pode errar. Se a gente pensar no lado negativo, que se perdermos pode complicar nosso ano, nós não vamos conseguir desempenhar nosso papel em campo. A gente tem que pensar e trabalhar pelo melhor sempre, que é vencer, independente dos nossos adversários- salientou o camisa 27.