Marcelo Frigério, o Tchelo, tem um grupo reduzido por conta da Covid-19

O técnico Marcelo Frigério, o Tchelo, poderá ter reforços com a recuperação de várias atletas-(Diulgação/Cruzeiro)

Valinor Conteúdo

05/05/2021
18:25
Belo Horizonte

Depois de vencer o Minas Brasília no último domingo, no Distrito Federal, a equipe feminina do Cruzeiro teve um dia inteiro e uma manhã de descanso, retomando os treinamentos na tarde desta terça-feira, no Sesi Betim. Agora o time cruzeirense terá uma semana inteira para treinar e recuperar a parte física, após a rotina pesada do início do Campeonato Brasileiro Feminino A1, quando disputou cinco partidas em 15 dias. Com a primeira vitória na competição, as cruzeirenses chegaram aos quatro pontos na tabela, assumindo a 11ª posição.

O próximo compromisso das Cabulosas acontece somente no domingo, 9 de maio, quando o Cruzeiro receberá o carioca Botafogo, no Sesc Venda Nova, a partir das 17h.

De acordo com o treinador Marcelo Frigerio, a prioridade neste momento é a recuperação do grupo, que teve muitas dificuldades no começo da competição, com muitos desfalques e atletas no departamento médico.

-Vamos recuperar as atletas da viagem e do jogo, depois dosar as cargas dos ajustes e treinos, porque depois começa a rotina de novo, com dois jogos por semana. Este período será muito importante, porque ganhamos tempo também para que as outras atletas que estão voltando consigam treinar com grupo, com bola, e irem melhorando fisicamente. Ficamos muito felizes com a última vitória e agora a nossa prioridade será respirar, recuperar e melhorar mais ainda, para sairmos com outra vitória no domingo-disse Tchelo.

Na partida no Distrito Federal, pela primeira vez entrou em campo nesta temporada a atleta Carol Shimo, liberada pelo departamento médico após tratar dores no joelho.

-Em um campeonato como esse, com essa sequência forte de jogos, é importante conseguirmos trocar as jogadoras, porque o desgaste é muito grande. E antes, nós não estávamos nem em condições de fazer substituições. Contra o Minas Brasília foi a primeira partida que eu consegui colocar a Shimo, que está voltando ainda, mas já em uma condição de entrar no jogo e ganhar ritmo. Coloquei a Marília também. Com a volta das jogadoras, e a gente tendo um elenco maior à disposição, naturalmente o time vai crescer, nós vamos conseguir suportar mais os jogos- avaliou.

Além das duas contratações que chegaram na última semana, a volante Thayla Sousa e a meia atacante Joelma, o Cruzeiro vai contar a partir de agora com a zagueira Jajá, que volta à ativa após cirurgia nos dois meniscos no ano passado, e a volante Ambrózio, que faz transição para os gramados, depois de uma cirurgia de LCA em 2020.

Os desfalques do time neste momento são a atacante Pâmela, que ficará fora por seis meses, por ruptura total de LCA, a lateral Thalita se recupera de uma recente cirurgia de menisco, e a também lateral Janaína está em tratamento por causa de um estiramento na coxa esquerda.

Jogos do Cruzeiro – Campeonato Brasileiro Feminino A1

6ª - 09/05 - Domingo - 17h - Cruzeiro x Botafogo
7ª - 12/05 - Quarta - 15h - Kindermann Avaí x Cruzeiro
8ª - 16/05 - Domingo - 17h - Cruzeiro x Napoli
9ª - 23/05 - Domingo - Ferroviária x Cruzeiro
10ª - 26/05 - Quarta - Cruzeiro x São Paulo
11ª - 30/05 - Domingo - Internacional x Cruzeiro
12ª - 02/06 - Quarta - Cruzeiro x Flamengo
13ª - 06/06 - Domingo - Corinthians x Cruzeiro
14ª - 20/06 - Domingo - Cruzeiro x Bahia
15ª - 24/06 - Quinta - Santos x Cruzeiro
Resultados
1ª - 18/04 - Domingo - Cruzeiro 1 x 1 Real Brasília-DF
2ª - 21/04 - Quarta - Grêmio 2 x 1 Cruzeiro
3ª - 24/04 - Sábado - Palmeiras 4 x 2 Cruzeiro
4ª - 28/04 - Quarta - Cruzeiro 1 x 2 São José
5ª - 02/05 - Domingo - Minas Brasília 1 x 3 Cruzeiro