Eduardo Barroca - Coritiba

Divulgação/Coritiba

LANCE!
20/08/2020
16:09
Futebol Latino

Na manhã desta quinta-feira, o Coritiba tomou a decisão de trocar o comando técnico. Incomodado com a falta de resultados no Campeonato Brasileiro, não restou alternativas a Samir Namur e a demissão de Barroca foi anunciada.

Contratado para conduzir o time na elite do futebol nacional, Eduardo Barroca fracassou em momentos importantes e deixa o Couto Pereira sem deixar saudades.

A primeira decepção do ano foi na Copa do Brasil. Diante do Manaus, o time foi superado pela vantagem mínima e caiu no primeiro mata-mata, feito que causou a primeira estremecida no treinador.

No estadual a campanha foi regular. Na fase de classificação, quando parecia que o time iria embalar, a paralisação da pandemia impediu o crescimento. No mata-mata, a equipe não foi páreo diante do Athletico, que jogou com força máxima e venceu.

No Campeonato Brasileiro pesou a pressão do fracasso no estadual e o time naufragou. Sem incomodar os rivais, o Coxa de Barroca marcou apenas um gol e levou seis tentos.

Confira abaixo os números de Barroca:

11 vitórias
3 empates
8 derrotas
Ataque: 38 gols
Defesa: 23 gols