Corinthians x Cruzeiro

O camisa 1 da Raposa foi essencial na campanha com um jogo perfeito quando pegou três pênaltis contra o Santos- Luis Moura / WPP

Valinor Conteúdo
18/10/2018
00:46
Belo Horizonte

Fábio completou 799 jogos pelo Cruzeiro com mais uma conquista. O seu terceiro título da Copa do Brasil. Símbolo de uma equipe vencedora, o arqueiro celeste coroou uma campanha que tem muita participação do camisa 1.

A saga de Fábio teve um momento auge nas quartas de final, quando defendeu três penalidades no duelo com o Santos, garantindo o time nas semifinais da competição. O goleiro fez uma ode ao torcedor do Cruzeiro e agradeceu mais uma vez pela conquista cruzeirense.

- Eu pedi a Deus hoje para que jogássemos como se fosse pela primeira vez. E toda honra foi a Deus e o Cruzeiro conseguiu essa coroa. Nação azul. É hexa. Cruzeirão Cabuloso, campeão, explodiu de emoção o goleiro.

Fábio comentou as suas performances na competição, sendo decisivo mais uma vez, principalmente no duelo com o Santos.

- Eu nunca havia participado de uma disputa de pênaltis sem ter levado gols. As defesas foram muito importantes para a equipe e graças a Deus conseguimos avançar e coroar esse grande momento na carreira.

O Cruzeiro vai diretamente para fase de grupo da Libertadores. A Raposa só não disputou a competição sul-americana nos últimos cinco anos no ano de 2016.