David Nascimento
05/05/2019
18:06
Rio de Janeiro (RJ)

São Paulo e Flamengo se enfrentaram na tarde deste domingo, no Morumbi, e ficaram no empate em 1 a 1 pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Os donos da casa, que estavam 100% na competição, criaram mais chances, pressionando no setor ofensivo, mas quem abriu o placar foi o Rubro-Negro, com Berrío, apagando o fogo adversário na etapa inicial - mesmo tendo um time alternativo. No segundo tempo, Tchê Tchê empatou e deixou o placar igual na capital paulista.

Com o resultado, o São Paulo chegou a sete pontos, na terceira colocação - o Flamengo, com quatro pontos, ficou no oitavo lugar. Pelo Campeonato Brasileiro, ambas as equipes voltam a campo no próximo fim de semana - no domingo, enquanto o Rubro-Negro receberá a Chapecoense, o Tricolor visitará o Fortaleza. Antes, pela Conmebol Libertadores, os cariocas enfrentarão o Peñarol, fora de casa, na quarta às 21h30, em jogo que decide a classificação da equipe carioca às oitavas de final.

QUEM NÃO FAZ, LEVA
O primeiro tempo começou com muita força ofensiva do São Paulo, que chegava com tranquilidade ao gol do Flamengo. Mas sem muita sorte de abrir o marcador, depois de tentativas fracassadas de Tchê Tchê e Lizieiro. Mas já diria o ditado, quem não faz, leva. E foi isso que aconteceu. Na primeira chance do Rubro-Negro, aos sete minutos, Hugo Moura achou Berrío que não teve trabalho para colocar o Fla na frente com o 1 a 0.

EQUILÍBRIO ATÉ O INTERVALO
Depois de abrir o placar no meio da superioridade do São Paulo, o Flamengo aumentou o volume de jogo e o deixou equilibrado até o intervalo. Diego tentou, Lincoln chegou a fazer, mas a jogada foi parada corretamente por impedimento de Matheus Dantas, que havia dado o passe, Antony acertou o travessão e Tchê Tchê obrigou o goleiro César a fazer grande defesa.

NOVA PRESSÃO NA ETAPA FINAL
Assim como no início do primeiro tempo, quando começou pressionando, o São Paulo repetiu o expediente nos minutos iniciais da etapa final. Antony foi para cima aos três, aos nove Hernanes tentou e César defendeu, o que se viu novamente dois minutos depois, quando Toró recuperou a bola de Matheus Dantas e tentou avançar, mas Thuler impediu a sequência da jogada. Liziero e Tchê Tchê ainda tentariam, de longe, na casa dos 20 minutos.

TANTO BATE ATÉ QUE FURA...
O São Paulo seguiu na pressão e, de tanto tentar durate jogo o segundo tempo, chegou ao empate aos 37 minutos. O goleiro César até fez uma excelente defesa em cabeçada de Hernanes, mas deu rebote, com a bola sobrando para Tchê Tchê - e, desta vez, não evitou que o Flamengo sofresse o gol. Fim de jogo, empate em 1 a 1, apesar de o Tricolor ter tido maior vontade pela vitória, com o Fla recuado no final.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 1 X 1 FLAMENGO


Estádio: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data/hora: 5/5/2019 - 16h (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG) - Nota LANCE!: 5,5 (não influenciou no resultado, mas segurou muito o jogo)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (MG)
Árbitro de vídeo: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Renda/público: R$ 1.988.361,00/38.749 pagantes
Cartões amarelos: Anderson Martins, Cuca (SAO) e Lincoln, Thuler, Ronaldo, Diego, Trauco, Rodinei, Rafael (FLA)
Cartão vermelho: -

GOLS: Berrío 7'/1ºT (0-1) e Tchê Tchê 37'/2ºT (1-1)

SÃO PAULO: Tiago Volpí, Walce, Bruno Alves, Anderson Martins (Hernanes 40'/1ºT) e Reinaldo (Helinho 32'/2ºT); Hudson, Tchê Tchê e Liziero; Antony, Alexandre Pato (Everton 30'/1ºT) e Toró. Técnico: Cuca.

FLAMENGO: César, Rodinei, Thuler, Matheus Dantas (Rafael 18'/2ºT) e Trauco; Hugo Moura, Piris da Motta, Ronaldo e Diego; Berrío (Lucas Silva 48'/1ºT) e Lincoln (Bruno Henrique 25'/2ºT). Técnico: Abel Braga.