Goiás x Red Bull Bragantino

Goiás e Red Bull Bragantino terminaram empatados em Goiânia, pela 8ª rodada do Brasileirão (Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino)

Futebol Latino
28/05/2022
18:32
Goiânia (GO)

Em partida válida pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro, fazendo uma prévia para a decisão da próxima terça-feira (31), pelo jogo de volta da 3ª fase da Copa do Brasil, Goiás e Red Bull Bragantino mediram forças no estádio da Serrinha, em Goiânia. Ainda na etapa inicial, Artur tratou de deixar os visitantes em vantagem, mas Nicolas, com um golaço na etapa complementar, igualou tudo dando números finais em 1 a 1.

Com o resultado, a equipe comandada por Maurício Barbieri chegou aos 10 pontos, pulando para a 11ª colocação. Já o time treinado por Jair Ventura, por conta do tropeço em casa, acabou mantendo-se na 15ª posição, porém agora com 9 pontos, podendo entrar na zona de rebaixamento na sequência da rodada.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

INÍCIO DE JOGO COM POUCAS CHANCES

Sabendo das dificuldades que teria pela frente mesmo sob seus domínios, o Goiás entendia que qualquer vacilo poderia resultar em um possível gol a favor do Red Bull Bragantino. Com isso, o time da casa tentou se impor no começo criando uma boa chance com Caio Vinícius, mas logo na sequência viu o rival mostrar que não estaria disposto a ficar apenas atrás, devolvendo o ataque na mesma moeda com Jan Hurtado, que chegou a pedir pênalti em um lance isolado, porém com a arbitragem mandando o jogo seguir.

Com o tempo passando, até os 15 minutos, o panorama em campo era de equilíbrio. No entanto, aos poucos, mesmo com o apoio da torcida do Verdão vindo das arquibancadas, o Massa Bruta foi passando a ditar mais o ritmo, conseguindo aparecer com mais frequência na área rival, inclusive dando trabalho ao goleiro Tadeu que salvou os donos da casa na finalização de Helinho.

RED BULL ABRE A CONTAGEM

Motivado pelo momento na partida, os comandados de Maurício Barbieri seguiram em cima do rival. Até que surtiu efeito. Aos 39 minutos, após cruzamento de Jan Hurtado, a bola passou por Caetano sobrando para Artur mandar para o fundo da rede na Serrinha.

O tento deu tranquilidade aos visitantes. Com isso, mesmo com o Goiás tentando uma reação nos momentos finais da etapa, pouco sofreram sustos dando a deixa para a arbitragem mandar os jogadores aos vestiários.

VERDÃO TENTA O EMPATE

Com Jair Ventura promovendo uma troca na volta para etapa final, ao tirar Danilo Barcelos para colocar Matheus Sales, o time da casa partiu pra cima em busca do tento de igualdade. Entretanto, mesmo com algumas boas chegadas, pouco conseguia criar praticamente não dando trabalho ao goleiro Cleiton.

Por outro lado, Barbieri optou por deixar o tempo correr optando por algumas substituições mais tarde, dando ênfase ao setor de meio-campo e ataque. Sem acelerar muito, e vendo o adversário com mais posse de bola, também pouco assustava mesmo com a entrada de Alerrandro.

NICOLAS COLOCA FOGO NO JOGO

Mas o Goiás não desistiu de encontrar seu gol. Até que aos 28 minutos, após um bate-rebate na área do Red Bull, Nicolas, pegando a sobra, mandou quase de voleio para marcar um golaço em Goiânia.

O tento animou os donos da casa. Até a reta final, o confronto ganhou em emoção. Contando a expulsão de Eric Ramires, depois do lance sobre Luan Dias ser checado pelo VAR, o Verdão ainda chegou a ter uma oportunidade com Caetano, mas a cabeçada do jogador acabou indo para fora sendo esse o último lance antes do término da partida em Goiânia.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1x1 RED BULL BRAGANTINO

Data e horário: 28/05/2022, às 16h30 (de Brasília)
​Local: Estádio da Serrinha, em Goiânia (GO)
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC) 
Assistentes: Alex dos Santos (SC) e Thiaggo Americana Labes (SC)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Cartões Amarelos: Caio Vinícius, 22'/1ºT; Alerrandro, 21'/2ºT; Luan Dias, 44'/2ºT; Sorriso, 47'/2ºT

Cartões Vermelhos: Eric Ramires, 45'/2ºT

Gols: Artur, 39'/1ºT (1-0); Nicolas, 28'/2ºT (1-1)

GOIÁS: Tadeu; Apodi (Maguinho, aos 37'/2ºT), Sidimar, Caetano, Reynaldo (Pedro Bahia, aos 18'/2ºT) e Danilo Barcelos (Matheus Sales, no intervalo); Caio Vinícius (Fellipe Bastos, aos 37'/2ºT), Diego e Elvis (Luan Dias, aos 37'/2ºT); Dadá Belmonte e Nicolas.
(Técnico: Jair Ventura)

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Andrés Hurtado, Kevin, Natan e Luan Cândido; Jadsom (Raul, aos 16'/2ºT), Eric Ramires e Praxedes (Lucas Evangelista, aos 11'/2ºT); Artur, Jan Hurtado (Alerrandro, 16'/2ºT) e Helinho (Sorriso, aos 24'/2ºT).
(Técnico: Maurício Barbieri)

Clique aqui e ganhe R$50 para jogar no Galera.bet