Atlético MG x Zamora

O Galo conseguiu seus primeiros pontos na Libertadores em uma suada vitória sobre o Zamora-VEN, evitando uma desclassificação precoce do torneio- DOUGLAS MAGNO / AFP

Valinor Conteúdo
08/04/2019
16:39
Belo Horizonte

Em situação complicada no Grupo E da Libertadores, por estar na terceira posição, com três pontos em três jogos, o Atlético-MG, que viaja nesta segunda-feira para o Paraguai, onde enfrenta o Cerro Porteño no Estádio La Olla Azulgrana, em Assunção, no Paraguai, nesta quarta-feira, 10 de abril, às 19h15, faz as contas para manter acesas as chances de seguir à fase oitavas de final do torneio.

O Galo precisa dos três pontos e ainda ficar de olho no outro duelo da chave, entre Nacional-URU e Zamora-VEN, que jogam no Uruguai no mesmo dia e horário.

O Cerro Porteño é o líder do Grupo E com três vitórias em três jogos, somando nove pontos, Já o Nacional-URU é o segundo, com seis pontos. O time brasileiro é o terceiro com três pontos, enquanto o Zamora é o lanterna sem marcar nenhum ponto na Libertadores 2019.

A disputa atleticana é contra Cerro e Nacional. Uma vitória atleticana fora de casa pode embolar o grupo, já que os mineiros ficariam com seis pontos, três a menos que os paraguaios e torcendo para que o Nacional não vença o Zamora, pois assim, poderia decidir seu destino em um confronto direto com os uruguaios no Mineirão.

O empate não elimina o Galo, mas o deixa mais distante dos rivais na classificação, e tira do time a possibilidade de depender apenas de seus resultados.

Cenários para o Galo


O ideal é vencer o Cerro e contar que o Nacional irá ganhar do Zamora, assim, o Galo ficaria apenas três pontos atrás de ambos e ainda com um confronto direto contra os uruguaios, no Mineirão, podendo tirar a diferença no saldo de gols. O Nacional tropeçar no Zamora seria um cenário de sonhos, improvável, aí, o Galo poderia passar o time de Montevidéu no duelo em Belo Horizonte.

Se o resultado em Assunção for um empate, o Galo chega aos quatro pontos, ficando a seis do Cerro e dependendo de combinações de resultados para se classificar, contanto inclusive com vitória dos paraguaio sobre o Nacional, e que o Zamora tire pontos do time uruguaio.

Já a derrota, praticamente elimina os mineiros, pois ficariam com três pontos e chegaria a nove no máximo, se vencer Nacional e Zamora. O Galo teria de ganhar seus jogos e ainda torcer por duas derrotas dos uruguaios. Logo, perder é a única situação que os brasileiros não podem ter após a partida de quarta-feira.