Rogério Micale, técnico da Seleção olímpica (Foto: Lucas Figueiredo/Mowa Press)

Rogério Micale, técnico da Seleção olímpica (Foto: Lucas Figueiredo/Mowa Press)

Igor Siqueira
29/06/2016
13:44
Rio de Janeiro (RJ)

Conhecida a lista dos 18 convocados para defender a Seleção Brasileira nos Jogos Olímpicos, surge agora a expectativa em relação à forma com a qual Rogério Micale vai escalar o Brasil na Rio-2016.

Com Fernando Prass, Neymar e Douglas Costa como jogadores acima de 23 anos, fica evidente que o trio será titular, apesar das boas opções ofensivas sub-23, como Gabriel Jesus.

Micale já dirigiu a Seleção olímpica em vários amistosos desde que passou a ser funcionário da CBF, em meados de 2015. E a filosofia de jogo do treinador é bem diferente da de Dunga.

O comandante olímpico gosta de um time com mobilidade, defesa com marcação adiantada e meio-campistas que se apresentem muito no ataque.

Além de Douglas Costa e Neymar, a expectativa é ver quem vai ser o terceiro homem de frente no 4-3-3. Gabigol, em tese, leva vantagem para ocupar a faixa direita. Mas Micale é fã declarado de Gabriel Jesus.

Pelas circunstâncias, a zaga deve ser composta por Marquinhos e Rodrigo Caio. O primeiro já tem bagagem na Seleção principal. O segundo foi o capitão nos últimos amistosos da olímpica.

Nas laterais, a tendência é que William comece como titular, já que Zeca, concorrente, atua mais pela esquerda, vaga preenchida por Douglas Santos.

No meio, a briga é boa. Thiago Maia tem mais rodagem na Seleção olímpica e deve ter a companhia de Rafinha e Felipe Anderson, este último frequente titular nos amistosos. Mas Rodrigo Dourado também tem impressionado Micale e Fred joga em todas as posições do meio, mas está sem ritmo de jogo porque estava suspenso por doping.

Todas as dúvidas começarão a ser sanadas a partir de 18 de julho, quando a Seleção se apresenta na Granja Comary, em Teresópolis. Os quatro jogadores da lista reserva não serão levados para o CT da Seleção.

Como pode jogar a Seleção olímpica
Banco: Uilson, Zeca, Luan, Rodrigo Dourado, Fred, Luan e Gabriel Jesus