Ituano x São Paulo

Mena se lamenta durante o empate em 1 a 1 com o Ituano no domingo (Foto: Miguel Schincariol/Lancepress!)

Bruno Grossi
21/03/2016
07:35
São Paulo (SP)

O São Paulo não vence há cinco jogos e, depois de ficar em situação complicada na Copa Libertadores da América, até mesmo a sequência do Campeonato Paulista começa a ficar ameaçada. Mesmo assim, o elenco mantém o otimismo e prega soluções que soam simples para o torcedor, sempre prometendo reação para a próxima partida. 

- Erramos muito, mas vamos conversar nos próximos dias para arrumar as coisas e fazermos jogos melhores na sequência da temporada - minimizou Denis, vilão contra River Plate (ARG) e Ituano.

Primeiro, a falta de pontaria foi apontada como a grande vilã da equipe. O diagnóstico era que o Tricolor conseguia criar grandes oportunidades de liquidar os rivais, mas acabava castigado. Foi aí que outra simples receita apareceu: mais atenção para evitar falhas individuais. Por fim, na última semana, o discurso era por mais entrega e dedicação.

- Tomamos um gol de bola parada, e isso não pode acontecer. Treinamos bastante essa situação de jogo e por isso não podemos dar este tipo de bobeira - apontou o zagueiro Maicon, ainda em Itu.

A lista de problemas apenas cresceu no jejum que chegou a cinco partidas com o empate em 1 a 1 com o Ituano. Apesar disso, os atletas seguem com respostas na ponta da língua para tirar o time da má fase. Na base das promessas, a próxima chance de redenção é às 21h45 de quarta-feira, no embate com o Botafogo-SP no Pacaembu.