Chapecoense X Corinthians

Corintianos exibiram faixa criticando a CBF (Foto: JARDEL DA COSTA/FUTURA PRESS)

LANCE!
10/07/2016
15:53
São Paulo (SP)

O Corinthians pode ser punido por sinalizadores que foram acesos pela Fiel torcida durante a partida contra a Chapecoense, no último sábado, na Arena Condá.

O árbitro Ricardo Marques Ribeiro relatou na súmula do jogo que teve de interromper o confronto 29 minutos do segundo tempo por conta do uso dos fogos de artifício.

"Observamos que foram acesos sinalizadores em dois pontos da arquibancada onde estavam os torcedores do Corinthians [...] As providências de praxe foram tomadas, tendo os artefatos sido apagados, o que resultou na paralisação da partida por mais quatro minutos", diz trecho do documento.

Por conta disso, o Corinthians pode ser denunciado no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O caso se enquadra nos artigos 191 e 206 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que preveem multa ao clube de R$ 100 a R$ 100 mil e multa de R$ 100 a R$ 1 mil por minuto de paralisação. Outros clubes, como Palmeiras, Ponte Preta e Grêmio já foram multados neste Brasileirão por conta de uso de sinalizadores por suas torcidas.

O árbitro também relatou na súmula que o jogo foi paralisado três vezes por conta de uma faixa na torcida do Timão com os dizeres: “CBF da corrupção”. O torcedor Kleber Luiz Ribeiro dos Santos, membro da torcida organizada Gaviões da Fiel, foi detido após a partida, responsabilizado pelo uso da faixa e liberado na sequência.