LANCE!
16/05/2018
20:09
São Paulo (SP)

Na Copa da Rússia, que começa dia 14 de junho, o continente africano estará representado por cinco países - Egito, Marrocos, Tunísia, Nigéria e Senegal. Dois deles foram responsáveis por feitos inéditos de uma nação do Novo Continente na história da disputa. Em 1934, na segunda edição da competição, os egípcios foram os primeiros africanos a participarem - caíram logo na estreia, após derrota por 4 a 2 para os húngaros, na Itália. Em 1978, a Tunísia fez 3 a 1 no México, na primeira fase, e conquistou o primeiro triunfo do continente. 

Após o ineditismo do Egito, a África só voltou a ser representada em 1970, no México, com Marrocos. A partir daí, esteve em todas as edições e foi aumentando o número de seleções presentes, acompanhando o "inchaço" do torneio. Em 82, a Argélia superou a Alemanha por 2 a 1, em uma das maiores zebras da Copa, e Camarões saiu invicto, empatando as três partidas da fase de grupos e deixando de avançar apenas por ter feito um gol a menos que a Itália, futura campeã

Camarões, aliás, é a seleção africana com mais participações em Copas (oito). E foi a primeira a alcançar as quartas de final, em 90, quando venceu Argentina e eliminou a Colômbia, caindo apenas para os ingleses na prorrogação. O camaronês Roger Milla é o jogador mais velho a fazer um gol em Copas. Aos 42 anos e 39 dias, ele fez o de honra dos Leões Indomáveis na goleada sofrida para a Rússia por 6 a 1, em 94, nos Estados Unidos.

Posteriormente, duas outras seleções da África avançaram ás quartas e igualaram o feito de Camarões. Em 2002, Senegal perdeu nessa etapa para a Turquia, na prorrogação, e em 2010 Gana caiu para o Uruguai nos pênaltis, em um dos jogos mais emocionantes da história. 

Outro país da região que merece menção é a África do Sul, por ter sido a única a sediar o torneio, em 2010. 

Milla
Camaronês Roger Milla, o mais velho a marcar um gol em uma Copa do Mundo - 1994 (Foto: Reprodução de internet)

OS AFRICANOS NA COPA DE 2018

Egito
- Está no Grupo A ao lado dos anfitriões russos, Uruguai e Arábia Saudita. 
- Participou em 1930 e 1990, caindo sempre na primeira fase e sem vencer
- Salah, um dos melhores jogadores do mundo, é o astro da equipe

Marrocos
- Está no Grupo B ao lado de Portugal, Espanha e Irã
- Será a quinta participação em Copas do Mundo. Jogou em 70, 86, 94 e 98. Melhor campanha foi no México, quando caiu para a Alemanha nas oitavas.
​- Tem jogadores atuando em importantes times da Europa, como o zagueiro Benatia (Juventus) e o lateral Hakimi (Real Madrid)

Nigéria
- Está no Grupo D ao lado de Argentina, Islândia e Croácia
- Vai para sua sexta participação. Jogou 1994, 1998, 2002, 2010 e 2014. Chegou três vezes ás oitavas de final
- Tem alguns jogadores atuando em alto nível na Europa, casos de Iheanacho (que passou pelo Manchester City e está no Leicester) e Iwobi (Arsenal)

Tunísia
- Está no Grupo G ao lado de Bélgica, Inglaterra e Panamá
- Vai para a quinta participação. Em todas as anteriores - 1978, 1998, 2002 e 2006 foi eliminada ainda na primeira fase
- Não tem nenhum jogador de ponta na elite europeia, com grande parte dos jogadores atuando em território pátrio 

Senegal
- Está no Grupo H ao lado de Polônia, Colômbia e Japão
- Vai para a segunda participação com a meta de repetir a fantástica campanha de 2002, quando alcançou as quartas de final
- O zagueiro Koulibaly, do Napoli, e o atacante Sadio Mané, do Liverpool, são os destaques