Comemoração do Sada Cruzeiro

Comemoração do Sada Cruzeiro (Agênciai7/Divulgação)

Web Vôlei
18/10/2020
09:45
São Paulo

Com o título conquistado neste sábado, após vencer o Fiat/Minas por 3 sets a 1, o Sada Cruzeiro emplacou a maior sequência de conquistas da história do Campeonato Mineiro masculino de vôlei. São 11 troféus levantados de forma consecutiva entre 2010 e 2020.

Com o resultado deste sábado, a equipe cruzeirense pode até escolher como se referir à conquista: hendecacampeão, que se baseia no grego hendeca e significa onze, ou na forma latina, que seria undecacampeão.

A marca cruzeirense supera o decacampeonato alcançado pelo rival Minas entre 1998 e 2007. Em 2008 o adversário teve a hegemonia quebrada pelo próprio Sada Cruzeiro, que levantou sua primeira taça do Mineiro, em Betim. Na edição de 2009 o campeão foi o time de Montes Claros, na época comandado pelo próprio Marcelo Mendez. E depois disso o treinador argentino chegou à Raposa para estabelecer um domínio absoluto: todas as edições desde 2010 foram vencidas pelo Sada Cruzeiro, em decisões contra os minastenistas.

– O Sada Cruzeiro é um clube vitorioso, é o clube mais vencedor da última década no Brasil e um dos mais vitoriosos do mundo. Sinto muita felicidade em fazer parte deste time. E temos que agradecer aos jogadores, a comissão técnica, a diretoria pelo esforço de manter este projeto no topo – disse Mendez.

Presente em todas essas conquistas, o ponteiro Filipe disputa sua 11ª temporada pelo Sada Cruzeiro, e ficou espantado ao saber que a marca ultrapassa as fronteiras do estado, já que pouquíssimas equipes no mundo atingiram estes números.

– É uma novidade. Estou arrepiado só de ouvir. Mais uma coisa para essa história linda da nossa equipe. Eu sou muito grato por estar aqui nesses onze títulos. Eu não esperava por isso. Nosso time se mostrou muito competente, depois de uma semifinal dura fizemos uma belíssima partida. Temos que comemorar. Quando parece que não temos mais marcas, quando falam que já ganhamos tudo, de repente vem essa nova marca com 11 títulos seguidos, coisa que poucas equipes no mundo inteiro conseguiram, em todas as modalidades. É pra guardar na história – enfatizou o capitão.